Vivo
 
por Vivo Seu Dinheiro

Entenda o que é cheque visado e em que situações ele é utilizado

A- A+

Menos usado nos dias de hoje, mas ainda presente, o cheque é um meio de pagamento que conta com muitas modalidades. Algumas delas, inclusive, são quase desconhecidas pelas novas gerações. Você sabe, por exemplo, o que é cheque visado?

Homem sabe o que é cheque visado

Existem muitas modalidades de cheque, cada qual com sua finalidade e regras. Foto: iStock, Getty Images

O que é cheque visado?

Embora o termo não seja amplamente conhecido, a explicação é simples. Trata-se de um reconhecimento, por parte do banco, de que há fundos suficientes na conta para o pagamento.

Nesse caso, a instituição financeira coloca um carimbo, a assinatura do gerente ou um equivalente que garanta os recursos. Não é o que ocorre com um cheque devolvido por falta de fundos, por exemplo.

No entanto, o cheque só pode receber o visamento quando estiver nominativo e ainda não endossado. Quando o cheque é visado, no mesmo momento, o banco faz uma reserva, com recursos da conta do cliente, para o seu pagamento.

Mas é importante observar que há um prazo para a compensação. Caso seja excedido, o banco estorna a reserva, ou seja, devolve o dinheiro para a conta do cliente. Se houver uma apresentação fora do prazo e sem fundos na conta, a responsabilidade fica restrita ao usuário, isentando o banco.

Outras modalidades de cheque

Além de saber o que é cheque visado, conheça outras denominações relacionadas a esse tradicional meio de pagamento:

Cheque em branco

Mesmo que você nunca tenha preenchido um cheque na vida, já deve ter ouvido a expressão “assinar um cheque em branco”. Trata-se, na realidade, de uma metáfora. O cheque em branco nada mais é do que o talonário antes do uso, ou seja, pode ser preenchido com o valor que você desejar.

Nesse sentido, dar um “cheque em branco” para alguém significa depositar a máxima confiança nessa pessoa, pois sabe-se que ela terá atitudes responsáveis, mesmo tendo plenos poderes sobre a ferramenta.

Cheque administrativo

É quando o próprio banco precisa emitir um cheque para a compensação de uma de suas agências. Nesse caso, o emitente e o sacado são a mesma pessoa. O nominativo (recebedor) é o bancário. Uma das razões para o uso do cheque administrativo é o aumento da segurança no recebimento de valores.

Essa modalidade é bastante utilizada na venda de imóveis, quando se trata de pagamento à vista. Via de regra, o vendedor solicita cheque administrativo de banco de primeira linha na entrega da escritura. Isso reduz as possibilidades de não haver fundos.

Cheque cruzado

Ele tem esse nome porque sua característica principal são dois traços paralelos, feitos à caneta, de forma diagonal no título. O significado desses traços – ou do cruzamento – é que somente a pessoa a quem foi nominado é que poderá sacar esse valor. Isso aumenta a segurança em caso de perda ou roubo.

Atualmente, qualquer cheque com valor a partir de R$ 100,00 deve, obrigatoriamente, ser nominal quando for depositado.

Você vai se interessar por:

Esteja pronto para as oportunidades

Se você está em busca de um emprego, não vai perder uma oportunidade por ficar sem saldo no celular. Com o Vivo Crédito Antecipado Voz você pode solicitar uma recarga emergencial de R$ 3 para falar e enviar SMS para todo o Brasil. O valor é descontado automaticamente da sua próxima recarga ou da fatura da sua conta Controle.

> Crédito Antecipado de Voz: Garanta R$ 3 de crédito até a próxima recarga do celular pré-pago

Aprendeu o que é cheque visado? Compartilhe as dicas!

melhor lugar para trabalhar
Já sabe o que fazer quando terminar a faculdade
Quem inventou o cartão de crédito
Usando o cheque como instrumento de crédito
Usaram meu cartão de crédito
Ela sabe como usar o cartão de crédito a seu favor