Vivo
 
por Vivo Seu Dinheiro

Entenda como funciona a Bolsa de Valores antes de investir em ações

A- A+

Se você já é um adepto de aplicações financeiras, talvez esteja pronto para investir em ações. Mas não há como arriscar-se nesse campo sem entender em detalhes como funciona a Bolsa de Valores. A falta de conhecimento, mais do que prejuízos ao bolso, faz com que muitos percam boas oportunidades de fazer o dinheiro render.

Como funciona a Bolsa de Valores

Questionado sobre como funciona a Bolsa de Valores, André Moraes, analista da XP Investimentos, a compara com um comércio que possui a particularidade de negociar frações de empresas. Esse é o seu produto.

“A essas frações damos o nome de ações, que é a menor parte do capital de uma empresa”, explica. Quando um investidor compra uma parte, ele passa a ser sócio da organização.

Como funciona a Bolsa de Valores para investimentos.

Corretora de valores auxilia o investidor a apostar em ações na Bolsa de Valores. Foto: iStock, Getty Images

Bovespa ou BM&F: qual a diferença?

Para entender como funciona a Bolsa de Valores, é importante saber o que representam os nomes Bovespa e BM&F, que frequentemente aparecem no telejornal.

Na realidade, elas são uma só. “Em 2008, houve integração das duas, onde foi criada a BM&FBovespa S.A., que se tornou uma das maiores bolsas do mundo e a maior da América Latina”, explica Moraes.

Na BM&FBovespa, são negociados títulos e valores mobiliários, como ações de companhias abertas, títulos privados de renda fixa, derivativos agropecuários (commodities), derivativos financeiros, entre outros valores mobiliários.

Como investir na Bolsa de Valores

O primeiro passo para investir na Bolsa é abrir uma conta em uma corretora de valores. Com valores a partir de R$ 250, é possível negociar algumas ações no mercado fracionário – investidores de longo prazo – e também minicontratos de Índice e Dólar, direcionados aos investidores de curto prazo.

Inicialmente, a plataforma que auxilia as operações do investidor é o home broker. Quando o investidor ganha um pouco mais de experiência, é possível ele contratar plataformas profissionais, indica o analista da XP.

“Mas isso só é necessário se o investidor desejar operar no curto prazo, fazendo operações que começam e acabam no mesmo dia, conhecidas como day trade”, afirma Moraes.

O home broker é, na realidade, a evolução do sistema de operações na bolsa. Até 1999, qualquer negociação era realizada somente por intermédio das corretoras, que autorizavam as ordens de compra e venda por telefone.

Atualmente, por meio dessa plataforma, o próprio investidor tem acesso direto a tudo. O home broker pode ser acessado através do site de uma corretora ou pode ser instalado diretamente no computador do acionista.

Além de possibilitar a negociação direta das ações no mercado, essa plataforma tornou o processo mais rápido e mais barato.

Depois de cadastrado em uma corretora de valores, é possível acessar o home broker e avaliar as ofertas. Caso queira fazer uma negociação, o investidor dá a ordem de compra, que é transmitida para a corretora, encarregada de finalizar a operação. Também é possível acompanhar a evolução da sua carteira de ações em tempo real.

Você vai se interessar por:

Bolsa de valores: descubra o que são ações preferenciais

Day trade pode ajudar você a lucrar mais na Bolsa

Como investir na Bolsa de Valores: veja dicas para começar

Mantenha-se informado

Se você gosta de estar bem informado, que tal contar com uma central disponível 24 horas por dia, 7 dias da semana, para saber informações e realizar pequenos serviços? Com o Vivo Informa, você pode obter indicação e realizar reservas em restaurantes e casas noturnas, além de comprar ingressos para shows e espetáculos, por exemplo. É só ligar para *365 e começar a aproveitar esse serviço.

> Vivo Informa: Receba tudo sobre tempo, horoscopo, trânsito e mais

Gostou de saber como funciona a Bolsa de Valores? Compartilhe!

melhores universidades do brasil
quando vale a pena ter cartão de credito
como cancelar pedido feito no cartão de crédito
reembolso no cartão de credito
formas de pagamento para fazer compras pela internet
como entender a fatura do cartão de crédito