Vivo
 
por Vivo Seu Dinheiro

Dinheiro, cheque ou cartão: o que vale mais a pena para o seu caso?

A- A+

Em meio a boletos, compras, contas e outras despesas, você já deve ter tido dúvida sobre pagar com dinheiro, cheque ou cartão. Na correria diária, nem sempre sabemos o que é melhor para o bolso.

Se você enfrenta esse impasse com frequência, a primeira dica é entender que cada meio de pagamento tem seus momentos mais indicados para uso, assim como podem apresentar desvantagens se você não souber utilizá-los com sabedoria.

Mulher em dúvida entre dinheiro, cheque ou cartão

Cada forma de pagamento pode ser a mais adequada, conforme a situação. Fotos: iStock, Getty Images

Dinheiro, cheque ou cartão: faça sua escolha

Na dúvida entre dinheiro, cheque ou cartão? Confira os prós e contras de cada opção, seguindo a análise e dicas do educador financeiro Antônio Nascimento, da DSOP.

Cartão de crédito

Em geral, quem fornece um cartão de crédito está, na verdade, financiando o titular do cartão e também a empresa que está fornecendo a mercadoria. O emissor do dispositivo cobra do comerciante e dá crédito ao titular do cartão que, se pagar a fatura integralmente no vencimento, não sofrerá acréscimo.

“Aí é que mora o perigo. Quando alguém está mergulhado em dívidas, os cartões costumam ser apontados como os vilões da história”, explica Nascimento. “Porém, quando utilizado com parcimônia, pode trazer vantagens”, sustenta.

Vantagens do cartão

  • Conveniência: Carregar um cartão de crédito é muito mais fácil do que carregar dinheiro.
  • Segurança: Em caso de perda ou roubo, você pode cancelar o cartão. Além disso, é necessário a senha para efetuar uma compra.
  • Situações emergenciais: Pode ser útil se você passar por uma situação emergencial e não tiver dinheiro e nem a quem recorrer.
  • Poder de compra: Isso significa que você pode adquirir um bem que você precisa, sem ter todo o dinheiro para isso.
  • Uso fora do Brasil: Cartões são aceitos (presencialmente ou virtualmente) em quase todos os cantos do mundo.
  • Parcelar pagamentos: Você pode parcelar seus pagamentos, sem juros. Isso é muito melhor do que ficar distribuindo cheques pré-datados.
  • Clube de vantagens: Alguns cartões de crédito oferecem prêmios, descontos, bônus e milhas. Um usuário racional aproveita essas oportunidades sem se comprometer financeiramente.
  • Controle das despesas: Mais uma vantagem do cartão (especialmente para aqueles que têm planilhas de controle do orçamento) é que você consegue visualizar no extrato, de uma só vez, para onde seu dinheiro está indo.
  • Acesso a crédito: Acesso a crédito imediato, sem precisar de garantias, de fiador, de preenchimento de notas promissórias e tantas outras burocracias para quem necessita de dinheiro.

Escolha entre dinheiro, cheque ou cartão

Cuidados com o cartão

  • Ilusão de dinheiro no bolso: A desvantagem mais evidente é a ilusória sensação que o cartão traz de “dinheiro no bolso”. O cartão representa um crédito e não dinheiro vivo.
  • Falta de controle: É muito fácil e simples utilizar um cartão de crédito, principalmente se tiver um limite de crédito alto. Uma pessoa desorganizada pode perder a noção de quanto gastou (a invisibilidade do dinheiro). Isso pode somar uma quantia grande, difícil de ser paga.
  • Pagar o mínimo da fatura: Se a fatura chegou e você decidiu pagar apenas o mínimo (ou não pagar tudo), tomou a pior atitude no uso do cartão e será apresentado à segunda maior taxa de juros do mercado, a do crédito rotativo.
  • Fraude: Da mesma maneira que é fácil usar, criminosos têm seus meios para clonar um cartão de crédito, seja no mundo físico ou no virtual.

Cheque

Menos usado do que cartão ou dinheiro, o cheque ainda é um meio de pagamentos de contas ou de aquisições, apresentando vantagens e desvantagens. Confira:

Vantagens do cheque

  • Falta de saldo na conta: A falta de saldo no exato momento da compra não é impedimento para a operação, ao menos no caso do cheque.
  • Pagamento pré-datado: O cheque pode ser pré-datado para ser compensado em um dia diferente do que foi emitido.
  • Garantia: O cheque pode ser utilizado como garantia em caso de um quebra contratual. Ao alugar um salão de festas, por exemplo, pode ser exigido um cheque para resguardar possíveis danos ao local. Se correr tudo bem, o cheque é devolvido e nada é cobrado.

Escolha entre dinheiro, cheque ou cartão

Cuidados com o cheque

  • Fraude: Este é o principal ponto negativo da utilização do cheque. Ele não é seguro contra falsificação de assinatura ou do valor original.
  • Falta de controle: Se não houver um controle minucioso, pode não haver saldo na data do depósito, gerando os famosos cheques sem fundos e suas consequências nada agradáveis.

Dinheiro

Se considerarmos todas as compras que fazemos no dia a dia, principalmente as pequenas aquisições, utilizar o dinheiro como meio de pagamento é importante. Não é à toa que sempre temos uma pequena quantia em espécie na carteira.

Vantagens do dinheiro

  • Conveniência: É aceito em qualquer situação, principalmente na hora de realizar pequenas compras em estabelecimentos comerciais que não aceitam cartões ou cheques.
  • Negociação: O dinheiro pode ser também muito útil para negociar valores de compras no comércio. Parte dos lojistas prefere garantir a liquidez do caixa do que esperar aprovações de bancos ou operadoras.
  • Valor real: Há a real noção do valor a ser pago por determinado produto ou serviço.

Escolha entre dinheiro, cheque ou cartão

Cuidados com o dinheiro

  • Segurança: Para pagamento de compras utilizando dinheiro, algumas vezes, você precisará carregar uma boa soma na carteira. Se perder ou for até mesmo assaltado, terá um grande prejuízo financeiro.
  • Falta de controle: Não há controle automático sobre as despesas, já que a saída do dinheiro não fica registrada.
  • Compras virtuais: Essa é mais uma desvantagem do que um cuidado a ser tomado. As lojas virtuais só aceitam o pagamento via boleto bancário ou cartão nas compras, e isso pode significar a perda de promoções ou ofertas valiosas no e-commerce.

Você vai se interessar por:

Aproveite os benefícios do cartão

Para quem usa o cartão com consciência e aproveita todos os seus benefícios sem comprometer o bolso, falta só escolher aquele que mais se adapta às suas necessidades e exigências.

Com os Cartões de Crédito Vivo, você pode parcelar em até 12 vezes sem juros nas lojas Vivo e somar pontos no programa de recompensas Vivo Valoriza. Oferecidos em parceria com o Itaú e o Santander, eles também dão bônus e pontos para você falar mais em ligações para telefone fixo ou de longa distância, enviar SMS e acessar a internet, além de descontos em cinema e muitas outras vantagens.

> Cartões de Crédito Vivo: Conheça as vantagens

E você, o que prefere? Dinheiro, cheque ou cartão? Comente!

melhores universidades do brasil
quando vale a pena ter cartão de credito
como cancelar pedido feito no cartão de crédito
reembolso no cartão de credito
formas de pagamento para fazer compras pela internet
como entender a fatura do cartão de crédito