Vivo
 
por Vivo Seu Dinheiro

Dia do Filósofo: saiba como eles contribuíram com as finanças

A- A+

Quando se fala em finanças, logo nosso pensamento remete a bancos, empresas e mesmo à Bolsa de Valores. Talvez você se surpreenda, mas a Filosofia também interferiu, ao longo da História, na forma de pensar sobre o dinheiro. Com a proximidade do Dia do Filósofo, celebrado em 16 de agosto, vale a pena conhecer um pouco mais sobre as suas contribuições quanto ao assunto.

Dia do Filósofo: visão contemporânea do dinheiro

Os questionamentos mais antigos, debatidos desde o início da civilização, como “quem eu sou?”, “de onde vim” e “para onde vou” evoluíram bastante. Como referência ao Dia do Filósofo, é interessante observar o papel desse profissional na sociedade atual.

Atualmente, eles estão avaliando a relação do homem com questões do mundo atual, como a tecnologia, a informática e, claro, o dinheiro. Alguns anos atrás, o filósofo americano Jacob Needleman afirmou que é possível viver sem dar tanta importância à conta bancária. Será mesmo?

seudinheiro-Dia-do-Filosofo

É interessante observar o papel e contribuições do filósofo na sociedade atual. Foto: iStock, Getty Images

Como o Dia do Filósofo se aproxima, vale fazer uma reflexão a respeito. Needleman argumenta que o dinheiro reflete nossa imaginação, desejos, necessidades e temores. “A angústia que sentimos em relação ao dinheiro é a angústia que sentimos em relação a nós mesmos”, afirma.

Dentro desse princípio, ele enfatiza que o aspecto financeiro deve ser tratado como um meio, não como um fim. Para isso, é preciso ter objetivos. “O dinheiro não muda as pessoas, ele apenas realça algumas características que o indivíduo já possuía. Alguns tornam-se arrogantes. Outros, generosos. Mas tudo isso já estava dentro deles”, defende.

Outros têm uma visão perceptivelmente mais pessimista. É o caso do canadense Barry Stroud. Ele acredita que, muito focadas em coisas materiais, as pessoas têm mais dinheiro – em função dos avanços materiais – mas, por outro lado, a vida está mais pobre.

Você vai se interessar por:

Finanças femininas: como você controla o seu dinheiro?

Confira dicas para organizar finanças domésticas entre marido e mulher

Veja como mudar de vida e colocar suas finanças pessoais em ordem

Dia do Filósofo: frases famosas sobre dinheiro

Confira a seguir uma série de frases sobre finanças marcadas ao longo da história e seus respectivos pensadores:

“O amigo deveria ser como o dinheiro, cujo valor já conhecemos antes de termos necessidade dele”, Sócrates.

“O dinheiro é como esterco: não serve para nada, a não ser que esteja espalhado”, Francis Bacon.

“Quando se trata de dinheiro, todos têm a mesma religião”, Voltaire.

“É lícito afirmar que são prósperos os povos cuja legislação se deve aos filósofos”, Aristóteles.

“Felicidade: uma polpuda conta bancária, um bom cozinheiro e uma boa digestão”, Jean-Jacques Russeau.

“Os investimentos em conhecimento geram os melhores dividendos”, Benjamin Franklin.

“Um alqueire de trigo é constituído de muitos grãos”, Thomas Fuller.

Proteja suas finanças

Agora que já conhece mais sobre a relação entre Filosofia e finanças, que tal cuidar melhor do seu bolso? Se você quer tranquilidade, é sempre bom contar com um seguro. No Seguro Proteção Urbana, da Vivo, o usuário conta com a modalidade Bolsa Protegida, que prevê indenização em caso de roubo ou furto qualificado de bolsa ou pasta. Tudo isso com a comodidade de pagar o serviço por meio da fatura do celular.

> Seguros para seus bens: Proteção da sua casa até sua bolsa, mochila e carteira

Gostou de saber mais sobre o Dia do Filósofo? Cadastre-se e receba nossa newsletter.

Comprar casas em Orlando é opção
Como é morar no campo
Trabalhando na reforma de casas antigas
Como escolher corretora para Tesouro Direto
Uso de LED no projeto de iluminação residencial
Reaproveitamento da água do chuveiro