Vivo
 
por Vivo Seu Dinheiro

Desorganização nas finanças leva ao endividamento

A- A+

Você sabe quais são as suas receitas e despesas no mês? Consegue identificar quanto precisa economizar para realizar seus sonhos? Tem o costume de anotar seus gastos? Se a resposta for negativa a essas perguntas, talvez você seja mais uma vítima da desorganização e falta de disciplina financeira.

Esse descontrole, que não está apenas relacionado ao dinheiro, pode gerar problemas familiares, atrasar projetos de vida e gerar dívidas. Essas, aliás, tem na desorganização uma das principais causas.

desorganizacao-seudinheiro-istock

Quase metade dos brasileiros já esteve com o nome sujo duas vezes em cinco anos. Foto: iStock, Getty Images

Estudos identificam a falta de organização

Segundo pesquisa recente do Serviço de Proteção ao Crédito (SPC Brasil), 47% dos brasileiros são devedores reincidentes. Ou seja, já estiveram com o nome sujo pelo menos duas vezes nos últimos cinco anos, mas, por falta de planejamento, disciplina, organização e educação financeira, voltaram a contrair dívidas.

Outro estudo deste ano do SPC Brasil, que traçou perfil e hábitos dos brasileiros economicamente ativos, identificou que 69% dos brasileiros sentem dificuldades para controlar os gastos e os investimentos realizados mensalmente. Também verificou que 64% não consideram a organização das finanças como prioridade.

3 dicas para vencer a desorganização financeira

Conforme lembra o educador financeiro Jó Adriano da Cruz, nunca é tarde iniciar um planejamento financeiro. Para vencer a desorganização no seu orçamento, siga essas três dicas que o especialista preparou para você.

Faça um diagnóstico financeiro

A primeira atitude a ser tomada é fazer um diagnóstico financeiro para entender para onde está indo seu dinheiro. Para isso, quem tem salário fixo deve fazer um apontamento das despesas de maneira minuciosa por 30 dias. Quem tem renda variável, como um autônomo, deve adotar o prazo de 90 dias e fazer uma média mensal.

Planeje seus sonhos

Realizando essa avaliação, é possível se planejar com objetivos claros em curto, médio e longo prazos, ou seja, estabelecer sonhos a serem realizados em até um ano, até dez anos e acima de dez anos, respectivamente. Vai dizer que não fica mais prazeroso poupar assim?

Adeque seu orçamento

O próximo e, último passo, é adequar seu orçamento a esse novo padrão de vida, priorizando seus sonhos. Ao poupar todos os meses um determinado valor, o planejamento estabelecido fica mais fácil de ser realizado.

De acordo com o especialista, seguindo esses passos, a pessoa passa a ter um novo comportamento em relação ao dinheiro, muda seu estilo, tendo uma vida sustentável financeiramente e vencendo a desorganização.

Você vai se interessar por:

Deixe a desorganização para lá

Quer outra dica para vencer a desorganização financeira? Então, é preciso ouvir quem sabe. Se você quer aprender a usar o seu dinheiro de um jeito mais inteligente, conheça o Vivo Finanças Pessoais. Com ele, você receberá mensagens e participará de jogos que lhe ajudarão a utilizar o seu dinheiro de uma maneira inteligente, controlar seus gastos e poupar. E você ainda concorrerá a sorteios diários.

> Vivo Finanças Pessoais: Receba dicas por SMS e concorra a R$ 2.500 todos os dias

E você? Como faz para vencer a desorganização financeira? Deixe seu comentário.

vale a pena economizar
como aprender com erros de finanças
quando vale a pena ter cartão de credito
como cancelar pedido feito no cartão de crédito
inteligência financeira para vencer na vida
melhor forma de economizar