Vivo
 
por Vivo Seu Dinheiro

Descubra se vale a pena comprar no crediário

A- A+

Fazer compras no crediário já foi a opção preferida dos brasileiros antes da popularização do cartão de crédito. Mas, apesar de ter perdido espaço, continua sendo uma boa escolha. A questão é compreender quando vale a pena comprar no crediário e em que momentos esse tipo de parcelamento pode complicar você na quitação das contas.

vale a pena comprar no crediario

Acúmulo de carnês é um dos riscos de parcelar as compras no crediário. Foto: iStock, Getty Images

Quando vale a pena comprar no crediário

O hábito de comprar no crediário ainda não morreu entre os brasileiros. Segundo uma pesquisa do SPC, Serviço de Proteção ao Crédito, 19% dos consumidores possui pelo menos um boleto ou carnê de compras recentes. Esse tipo de parcelamento só perde mesmo para o cartão de crédito, que é responsável por 52% dos pagamentos de compras, conforme o estudo.

E realmente vale a pena comprar no crediário, principalmente se você precisa de elementos que ajudem a se organizar nas contas. Contanto que o valor total da soma de todos os carnês não ultrapasse um limite de 30% da sua renda mensal, a compra nessa modalidade de parcela pode ser benéfica, você tendo ou não dinheiro para pagar o produto à vista.

Quando você não tem dinheiro para comprar algo à vista, mas sabe que poderia encaixar valores mais baixos no orçamento dos próximos meses sem comprometê-lo, vale a pena comprar no crediário. Sem pagar juros pelo parcelamento, você consegue dissolver um valor alto, como o de um eletrodoméstico ou eletrônico, em prestações que cabem no seu bolso.

Para quem teria o dinheiro para pagar o produto à vista, também pode valer a pena comprar no crediário. O que acontece é que, muitas vezes, o valor que seria utilizado para a compra pode ser investido em algum tipo de fundo financeiro que renda juros. Assim, você parcela o pagamento do produto e ainda recebe os rendimentos do investimento que fez.

Cuidados a tomar

Acontece que nem tudo é tão benéfico assim quando o assunto é pagamento parcelado. Em primeiro lugar, as lojas costumam cobrar preços mais elevados para compras que foram parceladas em relação ao que é pago à vista. Além disso, o acúmulo dos carnês e das contas pode levar a um superendividamento. E se corre um grande risco de você atrasar uma parcela, aí já não vale a pena comprar no crediário. Mas nada disso será problema se você tem u ma boa organização financeira.

Você vai se interessar por:

Esteja pronto para as oportunidades

Se você está em busca de um emprego, não vai perder uma oportunidade por ficar sem saldo no celular. Com o Vivo Crédito Antecipado Voz você pode solicitar uma recarga emergencial de R$ 3 para falar e enviar SMS para todo o Brasil. O valor é descontado automaticamente da sua próxima recarga ou da fatura da sua conta Controle.

> Crédito Antecipado de Voz: Garanta R$ 3 de crédito até a próxima recarga do celular pré-pago

Já decidiu se vale a pena comprar no crediário? Deixe um comentário.

vale a pena economizar
vale a pena pegar empréstimo
emprestimo urgente para negativado
erros financeiros comuns
como aprender com erros de finanças
quando vale a pena ter cartão de credito