Vivo
 
por Vivo Seu Dinheiro

Descubra o valor da cesta básica em Belo Horizonte

A- A+

Que os preços no supermercado não param de subir, não é novidade para ninguém. Você vai fazer compras e sente no bolso. Mas assim como o custo de vida, esse peso no orçamento muda conforme a região do país. Para quem mora na capital mineira, conhecer o valor da cesta básica em Belo Horizonte é uma forma de se planejar para economizar.

Valor da cesta básica em Belo Horizonte é alto

Belo Horizonte é a nona colocada entre as cestas básicas mais caras do país. Foto: iStock, Getty Images

O valor da cesta básica em Belo Horizonte

Em maio, o valor da cesta básica em Belo Horizonte ficou em R$ 408,50 em maio, conforme dados do Departamento Intersindical de Estatística e Estudos Socioeconômicos (Dieese). Com esse custo, a variação de preços já acumula 10,26% no ano na capital mineira.

Segundo os cálculos realizados pelo Dieese, tomando como base o salário mínimo líquido (já descontada a Previdência Social) o trabalhador mineiro investiu 50,46% dos seus rendimentos somente em itens de primeira necessidade.

Das 27 capitais avaliadas pelo Dieese, Belo Horizonte está em 9º lugar no valor da cesta básica. A cidade mais cara é São Paulo, seguida por Porto Alegre e Brasília.

No mês de maio, alguns produtos apresentaram alta de preços de forma geral, na maioria das cidades pesquisadas. Entre os principais, estão o feijão, o leite, a farinha de mandioca e a batata.

Como reduzir despesas

Economizar é preciso, pois o salário não consegue acompanhar o valor da cesta básica em Belo Horizonte. E a melhor forma de fazer isso é ser inteligente ao comprar. Veja o que você pode fazer para poupar quando for ao supermercado.

  • Não vá ao supermercado sem ter uma lista de compras em mãos.
  • Antes da lista, é importante elaborar um orçamento para o mês, destinando um valor para as compras da casa. Em seguida, busque encaixar os produtos da sua lista dentro dessa quantia.
  • Para economizar na cesta básica, comparar preços é fundamental. E isso você pode fazer no próprio supermercado, com diferente marcas, ou entre estabelecimentos. Use aplicativos que pesquisam preços de forma prática.
  • Uma boa estratégia pode ser substituir marcas, deixando a sua preferida de lado, mas ficando com outra que tem um menor custo e bastante qualidade. Você pode se surpreender, por exemplo, ao trocar produtos de higiene e limpeza.
  • Organize a despensa em sua casa, priorizando o consumo daqueles produtos de data de validade mais curta. Isso evita o desperdício, o que é fundamental.
  • Organize também os produtos na geladeira. Tanto no refrigerador quanto na despensa, é importante que consiga enxergá-los. Do contrário, pode comprar o que já tem em casa. Com potes transparentes, você consegue visualizar melhor os itens.
  • Se a meta é evitar o desperdício para economizar, vá ao mercado com maior frequência, especialmente para comprar alimentos perecíveis. Dessa forma, reduzem as chances de adquirir produtos com prazo de validade curto e que podem estragar mais rapidamente.

Você vai se interessar por:

Economize sempre

Se o dinheiro é uma preocupação e a economia uma necessidade, você pode realizar transações bancárias sem pagar taxas por isso, com toda comodidade. Com o Vivo Zuum, uma conta pré-paga gerenciada pelo celular, você pode fazer pagamentos, transferências e até mesmo recarga de celular. Tudo isso sem mensalidades. Se preferir, você pode adquirir o cartão Vivo Zuum para fazer compras no débito e saques.

> Vivo Zuum: Tenha conta corrente com cartão, sem banco, sem complicação

Gostou de conhecer o valor da cesta básica em Belo Horizonte? Compartilhe o artigo!

Pokémon Go
como lucrar vendendo artesanato
como lucrar vendendo cosméticos
como abrir uma academia de ginástica
como abrir uma pizzaria
como montar uma drograria