Vivo
 
por Vivo Seu Dinheiro

Descubra o que é CDI, o Certificado de Depósito Interbancário

A- A+

A maior dificuldade para o investidor principiante costuma ser a quantidade de termos e taxas envolvidos. O Certificado de Depósito Interbancário (CDI), por exemplo, é citado com frequência em negociações, mas entender o seu funcionamento pode não ser tão simples assim para quem não é familiarizado com a linguagem econômica.

Como funciona o CDI

Conforme explica Antonio Nascimento, educador financeiro, o CDI é negociado exclusivamente entre bancos e é responsável por indicar aos aos investidores o custo do dinheiro no mercado interbancário. Ou seja, você não investe no Certificado de Depósito Interbancário, mas as principais aplicações financeiras vão usar o seu percentual  como referência de rentabilidade. É o caso das Letras de Crédito Imobiliário, do Certificado de Depósito Bancário e das Letras de Câmbio.

Por conta da sua importância, ela pode ter também influência na definição de outras operações bancárias, inclusive nos juros adotados para empréstimos e financiamentos aos clientes. Embora não sofra taxações do governo e seja realizado entre os bancos, o CDI fica ligado às políticas financeiras por meio da Selic, a taxa básica de juros da economia.

O CDI funciona como um empréstimo entre os bancos, mas também como taxa de referência. Foto: iStock, Getty Images

O CDI funciona como um empréstimo entre os bancos, mas também como taxa de referência. Foto: iStock, Getty Images

Exemplificando o CDI

Para simplificar, simulamos uma situação que mostra o seu funcionamento em termos práticos. Vamos supor que o Banco X não possui dinheiro suficiente em caixa. Para poder realizar mais operações, ele envia um CDI para conseguir crédito no mercado interbancário. Já o Banco Y, que está com dinheiro sobrando, vê a notificação e resolve comprar o título emitido.

Na hora da devolução, ele recebe a quantia total, agora acrescido do percentual do Certificado de Depósito Interbancário que ficou definido para aquela transação. Para garantir que o empréstimo é uma opção confiável e segura, os títulos do Tesouro são utilizados como lastro.

Todas as negociações realizadas através desse processo passam pelo registro da Central de Custódia e Liquidação Financeira de Títulos (Cetip), que também calcula e divulga diariamente a taxa média do CDI. Ela é baseada na média das operações realizadas em um intervalo de 24 horas, sem levar em conta aquelas que ocorreram dentro de um mesmo grupo financeiro.

Tarifas em bônus

Para investir, é bem provável que precise usar sua conta no banco com frequência, o que pode gerar tarifas bancárias. Uma forma de economizar é converter essas taxas em bônus para celular. É o acontece quando você adere ao programa Conta Bônus, da Vivo, que transforma o valor integral da tarifa em bônus no seu Vivo Móvel Pré, Pós ou Controle. Os benefícios, disponibilizados em até 7 dias úteis após o débito da tarifa, ficam disponíveis por 30 dias a partir da data de concessão.

> Conta Bônus: Transforme tarifas bancárias e anuidade do cartão em bônus para o celular

Gostou das dicas sobre o funcionamento do CDI? Compartilhe!

O controle financeiro pessoal e o futebol
Casal melhora as finanças pessoais
Comprar tablet
Mulher entende o que é carnê-leão
Comprar smart tv
Unrecognizable buying organic rice in store, blank label