Vivo
 
por Vivo Seu Dinheiro

Descubra como fazer um curso de síndico profissional

A- A+

Cuidar dos interesses de um condomínio requer muito conhecimento: desde a parte hidráulica e elétrica até auditorias financeiras e conciliação de interesses entre vizinhos. Mas se você tem habilidade para isso, que tal fazer um curso de síndico profissional? Além de aprender, isso pode lhe garantir um novo emprego.

Via de regra, um certificado de síndico profissional não é exigido para que a profissão seja exercida. Em muitos estados brasileiros, as próprias administradoras de condomínios é que promovem a capacitação de seus colaboradores. Entretanto, um curso de síndico profissional irá ampliar seus conhecimentos e habilidades.

Mulher em curso de síndico profissional

Qualificação profissional é importante para abrir portas no mercado de trabalho. Foto: iStock, Getty Images

Quanto custa um curso de síndico profissional?

Ainda há poucos cursos presenciais nessa área. Um exemplo é o curso de síndico profissional oferecido pela Universidade Secovi – filiada ao Sindicato da Habitação de São Paulo. Custa, em média R$ 3,3 mil, com 60 horas de aula. O mesmo conteúdo pode ser transmitido online, com investimento de R$ 1,7 mil.

Há outras opções na capital paulista, promovidas por empresas privadas, com custos variados. Via de regra, um curso de síndico profissional aborda temas relacionados à administração de condomínios, como seguro condominial, auditoria contábil e regras de condomínio conforme o Código Civil.

Além disso, o objetivo das capacitações é habilitar os profissionais do ramo a identificar os assuntos mais importantes relativos ao condomínio, como as questões jurídicas, e encaminhar as questões para encontrar uma solução.

Para isso, também são estudados temas como conceitos de administração e gestão, estrutura condominial, assembleia geral, normas referentes à garagem e áreas comuns.

Você vai se interessar por:

Entenda quais são os principais direitos e deveres no condomínio

Confira 10 dicas para a segurança do apartamento nas férias

Veja alguns pontos de atenção no regimento do condomínio residencial

Perfil do síndico profissional

Com o crescimento de grandes condomínios e também com os empreendimentos de alto padrão, a figura do síndico profissional tem se tornado cada vez mais presente. Embora possa ser contratado de forma independente, via de regra, esse profissional está vinculado a uma administradora de condomínios.

Ainda assim, contratar um profissional que não seja morador do condomínio não significa falta de envolvimento dos condôminos. Cada um deve levar suas propostas às reuniões e avaliar as prestações de contas.

O síndico profissional, porém, geralmente atende diversos condomínios. Com conhecimento sobre legislação, contabilidade e fiscalizando o trabalho da própria administradora, ele se torna o responsável pelo andamento de diversos serviços necessários ao grupo de moradores.

Desde a contratação de serviços de manutenção até questões mais complexas, como casos judiciais, tudo é gerenciado por ele.

 

Interessado no curso de sindico profissional? Cadastre-se e receba nossa newsletter.

como funciona o auxílio maternidade
como funciona o auxílio creche
como funciona o auxílio doença
descontro de empréstimo consignado
compra consciente