Vivo
 
por Vivo Seu Dinheiro

Descubra como construir com pouco dinheiro em 7 dicas

A- A+

A ideia de construir com pouco dinheiro pode até parecer uma missão impossível, mas não é. É claro que o construtor não pode alimentar a ilusão de que erguerá uma casa de luxo a um precinho de banana – é preciso avaliar de acordo com a sua realidade.

Mas há diversas formas de economizar no sonho da casa própria, desde o orçamento da obra até a sua execução, passando ainda pela escolha dos materiais utilizados.

Homem vai construir com pouco dinheiro

Busque a economia, mas não abra mão da qualidade do trabalho executado. Foto: iStock, Getty Images

Como construir com pouco dinheiro

Confira em sete dicas que a proposta de construir com pouco dinheiro está ao seu alcance. Siga esses passos e tenha o seu imóvel sem prejudicar as finanças.

1. Escolha do terreno

A economia deve ser projetada desde a concepção de ideia de casa, ou seja, quando o pensamento ainda estiver em processo embrionário. Um dos primeiros passos é a escolha certa do terreno. Áreas com grande desnível, por exemplo, demandam muito dinheiro para a construção. Tenha cuidado ao escolher.

2. Projeto da casa

Se você quer poupar, naturalmente não pode projetar uma casa de três pavimentos, com box pra três carros. Um estilo muito rebuscado vai requerer acabamentos sofisticados, e isso pode custar uma verdadeira fortuna.

Converse com o engenheiro ou arquiteto e explique sua realidade financeira, seus projetos de futuro e quais atividades exercerá em casa. Ele pode ajudá-lo a otimizar espaços e materiais. Lembre-se também que projetos muito caros podem ser sinônimo de construções intermináveis.

3. Mão de obra

Esse é um item no qual não se deve economizar tanto assim. Aqui se pode perfeitamente aplicar o dito popular “o barato sai caro”. Tanto com relação ao profissional que projetar a casa quanto com o pedreiro ou empreiteira que forem erguer as paredes, certifique-se que o trabalho tem qualidade e pague o preço justo. Nada pode ser pior que refazer uma obra.

4. Material de construção

É possível economizar bastante comprando a máxima quantidade no mesmo local – após uma boa pesquisa de preço, claro. Dessa forma, pode-se negociar um bom desconto e prazos diferenciados de pagamento. Mas o preço não deve ser o único determinante. Mesmo para uma casa popular, a qualidade dos materiais é importante.

5. Acabamentos

Pisos, revestimentos, portas, janelas, luminárias… Enfim, essa é uma das etapas mais caras da construção. Nesse quesito, vale a pena refletir bastante antes de aprovar o projeto. Faça a pesquisa de preços com antecedência e veja se o que está no papel cabe no seu bolso. Depois da casa pronta, provavelmente será necessário comprar mobília, e isso também tem um preço alto.

6. Faça você mesmo (ou não)

Fazer ou não fazer? Eis a questão. O conceito de “faça você mesmo” nem sempre é adequado para garantir a economia. Mesmo as tarefas que parecem mais simples, como a pintura, requerem bastante habilidade para que sejam bem executadas. Se você nunca fez isso antes, melhor não arriscar. Mas se você entende do negócio, não há dúvida de que pode poupar bastante.

7. Guarde um dinheiro

Se você tem a ideia de gastar todo o seu dinheiro durante a obra, esqueça isso. Sempre há gastos que não estavam previstos. Além disso, você provavelmente precisará de dinheiro para comprar móveis novos, e isso também tem um custo. Guarde o que for possível.

Você vai se interessar por:

Seguro para os seus bens

Se você tem um imóvel, uma boa dica é contratar uma proteção extra. Clientes Vivo podem contratar seguro residencial que garante, entre outras coberturas, amparo contra incêndio, raio e explosão. A apólice garante o pagamento de uma indenização, quando ocorrer danos à sua residência ou ao seu conteúdo.

O seguro ainda cobre prejuízos decorrentes de roubo ou furto qualificado, de problemas causados por danos elétricos e Responsabilidade Civil Familiar.

> Seguros para seus bens: Garanta proteção contra incêndio, raio, danos elétricos, roubo e furto

Gostou das dicas para construir com pouco dinheiro? Compartilhe!

vale a pena usar roupas de marca
feiras de trocas
vale a pena economizar
investir em imóvel na planta vale a pena
vale a pena investir na decoração de uma casa para alugar
dividir aluguel com alguém