Vivo
 
por Vivo Seu Dinheiro

Veja cuidados na hora de preparar sua bolsa para marmita

A- A+

Uma boa forma de economizar dinheiro é levar comida de casa, ao invés de ir a restaurantes, no horário de almoço, do trabalho. Para isso, o ideal é carregar seus alimentos em uma bolsa para marmita. Cuidar do seu transporte e da conservação é importante para manter a qualidade e garantir o sabor dos mantimentos.

O Programa Meu Prato Saudável, projeto do Instituto do Coração (InCor) e do Hospital das Clínicas da Faculdade de Medicina da USP com a LatinMed Editora em Saúde, elaborou uma cartilha com algumas dicas para ajudar você a preparar a sua quentinha.

O que cozinhar para levar na bolsa para marmita?

O programa sugere que a comida seja feita a cada três dias, sendo que as carnes ficam mais saborosas se preparadas no dia anterior. Assim que a refeição estiver pronta, o ideal é colocá-la direto no refrigerador para evitar que estrague. A versão frita de qualquer alimento acaba sendo uma opção prática, porém mais calórica e menos saudável.

seudinheiro-bolsa-para-marmita

É fundamental jogar água fervente antes de colocar os alimentos na bolsa. Foto: iStock, by Getty Images

Muitas pessoas deixam de incluir saladas na suas bolsas para marmita para não misturar os alimentos frios e quentes. Mas deve-se comer esses alimentos todos os dias. Separe a comida quente da fria.

Você vai se interessar por:
Para além do vale-refeição, entenda como funcionam benefícios
Vale-alimentação x refeição: entenda a diferença
Saiba o que não pode ser comprado com vale alimentação ou refeição do PAT

Leve a salada à parte e tempere-a apenas na hora de comer para que as folhas não fiquem murchas nem junte água no recipiente. Além disso, alimentos com molhos ou à base de ovos devem ser evitados, pois têm maior probabilidade de estragar e podem contaminar o resto da comida.

Qual o melhor material de bolsa para marmita?

– Vidro: é a melhor opção e pode ir ao micro-ondas

– Plástico: são os mais práticos, mas, para não correr riscos, coloque a comida em um prato antes de esquentá-la no micro-ondas, caso contrário podem derreter

– Alumínio: podem alterar o sabor da comida e não vão direto no micro-ondas. Esquente a comida em banho-maria ou coloque-a em um prato antes de levá-la ao micro-ondas.

Em qualquer um dos modelos escolhidos, é fundamental jogar água fervente antes de colocar os alimentos na bolsa para marmita. Este cuidado evita que haja proliferação de micro-organismos nos alimentos, prevenindo infecções alimentares, por exemplo.

A escolha por uma marmita que feche corretamente, também auxilia no combate à doenças. Além disso, recipientes hermeticamente fechados evitam que a  comida seja desperdiçada.

Quanto colocar de comida na bolsa para marmita?

Respeite a proporção de um prato. Não encha demais a vasilha, pois recipientes muito cheios podem causar vazamentos.

Conforme recomendações do programa, é preciso se alimentar a cada três horas. Por isso, além do almoço, você pode carregar os lanches do dia em marmitas também. Salada de frutas, iogurte, biscoitos integrais e bolos simples são algumas opções que podem complementar uma alimentação equilibrada.

Para o seu almoço, seguir a orientação da metodologia do Meu Prato Saudável pode ser uma ótima dica:

– ½ prato de verduras e legumes (crus ou cozidos)

– ¼ de alimentos ricos em carboidratos (arroz, macarrão, batata, etc.)

– ¼ com proteína vegetal (feijão, grão-de-bico, lentilha, etc.) e proteína animal (carne, frango, peixe, ovo, etc.)

– 1 porção de fruta como sobremesa

Este artigo lhe fez lembrar de alguém? Compartilhe!

como abrir uma pizzaria
como lucrar vendendo cachorro quente
como montar uma pastelaria
inflação nos alimentos
comer peixe
almoço por quilo