Vivo
 
por Vivo Seu Dinheiro

Créditos do Nota Legal Rondoniense são resgatados em dinheiro

A- A+

Rondônia é mais um dos estados brasileiros a adotar um programa que vincula o CPF do consumidor a cupons fiscais. Como nos demais, ele gera acúmulo de créditos que serão revertidos em dinheiro. O Nota Legal Rondoniense segue os mesmos princípios, por exemplo, do Nota Fiscal Paulista. Veja a seguir dicas para aderir e concorrer a prêmios.

nota-legal-rondoniense

Sorteios do Nota Legal em Rondônia rendem prêmios em dinheiro de até R$ 25 mil mensais. Foto: Divulgação

Como aderir ao Nota Legal Rondoniense

Depois da realização de um cadastro no site do Nota Legal Rondoniense, o procedimento para acumular créditos é simples. Ao efetuar qualquer compra de produto ou serviço, é só o consumidor pedir a nota ou cupom fiscal e fornecer o número do seu CPF. De acordo com informações do programa, os créditos são computados para o consumidor assim que o vendedor recolher os impostos.

“Com o Nota Legal Rondoniense, até 20% do imposto recolhido volta para o consumidor em créditos”, explica o coordenador do programa, Orlando Pereira da Silva Junior.

Segundo ele, o principal objetivo do Nota Legal Rondoniense é a redução da sonegação de impostos. “Com o programa, todo mundo ganha. A emissão das notas garante mais benefícios e cidadania para a sociedade”.

Para mais informações sobre o passo a passo do cadastro no programa, o consumidor pode acessar o Manual do Consumidor.

Como resgatar os créditos

Existem duas formas do consumidor solicitar o resgate dos créditos do Nota Legal Rondoniense: por meio de transferência bancária ou descontos no pagamento do IPVA (Imposto sobre a Propriedade de Veículos Automotores).

No caso de o consumidor preferir receber os créditos em dinheiro, ele deve solicitar a transferência bancária dos mesmos no próprio site do programa nos meses de abril e outubro de cada ano.

Para efetuar a operação é preciso ter, no mínimo, R$ 25 em créditos acumulados. O dinheiro entra na conta corrente informada em uma média de 60 dias. Os créditos têm duração de cinco anos, a contar de quando foram lançados no programa.

Você vai se interessar por:

Como resgatar créditos da Nota Paulista sem morar em São Paulo

Como fazer resgate da Nota Fiscal Paulista sem morar em São Paulo

Gesto de solidariedade: doar nota fiscal para entidade é confiável?

Sorteios do Nota Legal Rondoniense

Além dos créditos acumulados e resgatados, os inscritos no Nota Legal Rondoniense também participam de sorteios mensais de prêmios que variam entre R$ 10 até R$ 25 mil mensais.

Segundo a Secretaria de Finanças, responsável pelo programa, todos os consumidores que fizerem o cadastro no site automaticamente participam dos sorteios. A cada R$ 100 em compras, o participante recebe um bilhete eletrônico. Os sorteios são realizados por meio de uma combinação de números da extração da Loteria Federal do mês. No site, a relação de sorteios e premiados está desatualizada, mas, de acordo com a Secretaria de Finanças, o programa segue ativo e recentemente recebeu crédito adicional do governo no valor de R$ 950 mil.

Caso o consumidor prefira não se cadastrar no programa Nota Legal Rondoniense, ele pode ajudar entidades de assistência social em todo o Estado. É simples: ao invés de fornecer o número do seu CPF na hora da compra, ele solicita a nota e deposita o documento fiscal em uma das urnas espalhadas em vários estabelecimentos comerciais. As próprias entidades juntam as notas e fazem seu lançamento no site do programa, acumulando créditos que serão revertidos em dinheiro.

 

Gostou de conhecer o Nota Legal Rondoniense? Cadastre-se e receba nossa newsletter.

sair da casa dos pais
vale a pena economizar
vale a pena pegar empréstimo
emprestimo urgente para negativado
erros financeiros comuns
como aprender com erros de finanças