Vivo
 
por Vivo Seu Dinheiro

Contratos de casas de praia para alugar exigem atenção

A- A+

Procurar casas de praia para alugar nas férias ou em um feriado prolongado é, às vezes, mais vantajoso do que ficar em um hotel ou pousada, principalmente para quem vai passar as férias em família. O imóvel ideal para muitos é o mais próximo possível da beira da praia, mas esse está longe de ser o único critério a ser considerado.

Uma casa bem localizada é fundamental para aproveitar ao máximo a paz e diversão que apenas a praia é capaz de proporcionar, mas, mesmo depois que você já encontrou o ponto ideal entre tantas opções de casas de praia para alugar, nem tudo está resolvido.

Para formalizar a relação entre inquilino e locatário, as duas partes precisam assinar um contrato de locação. E é aí que muita gente costuma se enrolar.

Várias casas de praia para alugar

Para aproveitar as férias na praia, informe-se sobre direitos e deveres do hóspede. Foto: iStock, Getty Images

Atenção ao contrato de locação de imóvel

Quando você aluga uma casa por dias ou semanas, o contrato de locação é uma garantia tanto para você quanto para o locatário. Nele, todos os detalhes da negociação são documentados, assim como os direitos e deveres tanto do hóspede quanto do dono do imóvel.

Antes de assinar, leia atentamente cada cláusula e, depois, certifique-se de ficar com uma cópia do documento. Guarde o contrato e demais documentos e recibos relacionados à locação em uma pasta, caso precise em alguma eventualidade.

As informações básicas que um contrato precisa ter são:

  • Dados completos do proprietário do imóvel e do locatário
  • Período de estadia – data de chegada e de partida do inquilino
  • Endereço exato, detalhes da localização e descrição do imóvel
  • Valor a ser pago pelo aluguel e modo de pagamento
  • Regras para animais de estimação, número máximo de hóspedes, uso de condomínio, taxas extras de limpeza e outras, etc.
  • Regras para cancelamento ou devolução antecipada do imóvel
  • Termo de vistoria com as condições do imóvel.

Outro item que contratos de casas de praia para alugar podem conter é a descrição do mobiliário e utensílios com os quais o imóvel está equipado. Se você confia no locador, ótimo, mas se quer se precaver e não ser culpado pelo sumiço de algo que não estava lá, confira tudo ao chegar no local, na presença do locador.

Aproveite e teste torneiras, descargas, chuveiros, interruptores e o funcionamento dos eletrodomésticos. É possível que o imóvel que você alugou tenha ficado um bom tempo parado, então, fique atento. Se você descobrir algum defeito só depois que o locador foi embora, comunique-o imediatamente para que os reparos sejam feitos.

Você vai se interessar por:

Casas de praia para alugar: como achar o ponto ideal

Alugar uma casa que você não conhece é sempre um risco. As fotos colocadas na internet podem ser enganosas, por isso, se você não pode visitar a casa antes de depositar o cheque-caução, tente obter referências sobre o imóvel e sobre o proprietário ou empresa que o está alugando. Se conhecer pessoas que já se hospedaram lá, consulte-as.

Mas a internet também é uma ótima aliada. Aplicativos como o Google Street View (disponível em iOS e Android) ajudam a descobrir como a casa é por fora e quais as condições do seu entorno. Confira se a região está bem guarnecida com estabelecimentos comerciais que a sua família vai precisa usar. Assim, vocês não precisarão se deslocar de carro o tempo inteiro.

Com todas essas precauções tomadas, nada impede você de ter um ótimo momento de sossego com a sua família. Aproveite!

 

Gostou das dicas sobre casas de praia para alugar? Então, compartilhe o conteúdo.

Pokémon Go
como lucrar vendendo artesanato
como lucrar vendendo cosméticos
como abrir uma academia de ginástica
como abrir uma pizzaria
como montar uma drograria