Vivo
 
por Vivo Seu Dinheiro

Conheça os tipos de celulares que menos consomem bateria

A- A+

Se há algo que você reclama no seu smartphone, a chance é grande que seja com relação à duração da carga. Afinal, as baterias são as campeãs de queixas para todos os tipos de celulares utilizados.

A informação é da Associação Brasileira de Defesa do Consumidor (Proteste) e integra pesquisa da entidade sobre os modelos de aparelhos que representam as melhores ou piores escolhas nesse quesito de rendimento.

Tipos de celulares que consomem menos bateria são novidade.

Duração prometida da bateria é aspecto a ser considerado durante a compra. Foto: Shutterstock

Estudo avalia desempenho das baterias

Mas a Proteste não apenas identificou o problema, como ofereceu ao usuário soluções. Ao submeter a um teste diferentes tipos de celulares, entre aqueles mais vendidos no mercado nacional, a entidade avaliou o rendimento da bateria nos aparelhos.

Os resultados foram divulgados em 2015 na Revista Proteste. Modelos de marcas como LG, Samsung, Nokia, Motorola, Sony e Apple, responsáveis pelas maiores fatias de venda do mercado brasileiro de telefonia, foram submetidos a 365 ciclos de carga, utilizando um padrão médio de consumo, com wi-fi ativado e reprodução de conteúdo audiovisual.

Conforme Thiago Porto, técnico da entidade, todos os telefones tiveram um desempenho razoável, mas alguns se mostraram mais resistentes do que outros.

Tipos de celulares e sua bateria

LG G Flex

O LG G Flex foi o campeão de qualidade. Desde o primeiro até o último dia do teste, recebendo cargas quando a bateria chegava a 20%, a duração da bateria se manteve linear.

Ao final das 365 cargas o aparelho, teve uma autonomia 13 minutos mais longa do que tinha quando a análise foi iniciada. Portanto, é considerado o melhor entre os tipos de celulares testados sob esse aspecto.

Modelo da LG foi o que apresentou melhor desempenho de bateria. Foto: Divulgação, LG

Modelo da LG foi o que apresentou melhor desempenho de duração da bateria. Foto: Divulgação, LG

Sony, Motorola e LG G2

Na sequência, Sony Xperia Z2, LG G2 e Motorola Moto G mantiveram uma média de evolução que ficou entre os 97% e 98%.

Entre o primeiro e o último dia do teste, sendo carregados a cada dois dias, a diferença máxima no final foi de 10 minutos a menos de duração, no LG e no Motorola. O Sony apresentou uma queda de 5 minutos da durabilidade.

Nokia e Samsung

Na terceira posição entre os tipos de celulares com melhor rendimento de energia, ficaram o Nokia Lumia 1020 e o Samsung Galaxy S5, o único entre os testados que não possui bateria integrada.

A média de evolução após as 365 cargas ficou entre 93% e 94% para os gadgets. A Nokia apresentou uma baixa de 23 minutos na duração, enquanto o Samsung perdeu 38 minutos de autonomia.

Apple

A Apple, com seu iPhone 5S, foi a marca que apresentou o pior desempenho entre os tipos de celulares testados. A evolução ao longo do estudo foi de apenas 86,6%, a única que ficou abaixo dos 90%.

Se, no primeiro dia de testes, o aparelho apresentava uma autonomia de 5h50, ao final do estudo, a sua bateria passou a durar apenas 5h03, 47 minutos a menos.

Você vai se interessar por:

Bateria de celular vicia se ficar na tomada por muito tempo? Descubra

Bateria do smartphone dura pouco? Veja como evitar

Veja novidade para quem sonha com celular com melhor bateria

O que observar em todos os tipos de celulares

Considerando que todos os tipos de celulares testados apresentam um desempenho semelhante durante o uso de suas baterias, a Proteste parte para a hipótese de que o uso que as pessoas fazem de seus smartphones seja o principal causador da queda no rendimento das cargas de energia de cada aparelho.

Porto diz que as pessoas costumam baixar aplicativos que não utilizam, ocupando um espaço da memória que não seria necessário.

Essa memória cheia acaba exigindo mais do processador do aparelho, para que rode os apps com velocidade, o que acaba acarretando em um gasto de energia maior para manter o celular funcionando de maneira razoável.

O especialista indica que, antes de comprar o aparelho, o consumidor verifique a quantidade de miliampères (mAh) das baterias.

“Uma pessoa que quer que a bateria dure por um dia inteiro ou até mais de um dia, deve procurar um modelo que se aproxime dos 3 mil mAh”, diz Thiago, que garante que uma quantia mais baixa do que essa não dará rendimento sequer para um uso moderado.

 

Você tem uma boa dica para um maior rendimento da bateria do celular? Comente!

vale a pena comprar celular muito barato
vale a pena comprar celular top de linha
smartphone com maior tela
tablets ou smartphones
Modelo de celular simples e barato
LG G5 SE