Vivo
 
por Vivo Seu Dinheiro

Conheça os principais custos de uma empresa e elabore seu planejamento

A- A+

Abandonar a vida de empregado, tornar-se seu próprio chefe, multiplicar a renda e levar uma vida confortável. Eis o desejo de quem se arrisca a empreender e abrir seu próprio negócio. Mas calma lá: até começar a ter lucro, o empresário provavelmente vai precisar encarar vários meses pagando os custos de uma empresa com o seu capital de giro.

Esses gastos variam bastante de acordo com as particularidades da empresa, pois companhias de alguns setores precisam ter equipamentos caros e modernos. Mas em escritórios que precisam do básico – mesas, cadeiras e computadores -, os custos costumam ser parecidos.

Análise de custos de uma empresa

Manter um escritório é positivo, pois pode estimular colaboração entre a equipe. Foto: iStock, Getty Images

Home office x escritório

Justamente para não precisar arcar com todos os custos de uma empresa, muitos gestores têm incentivado o home office entre a sua equipe, ou seja, a possibilidade de trabalhar em casa. Ferramentas de gestão de projetos facilitam o controle do trabalho e softwares de webinar permitem reuniões por videoconferência.

Em alguns casos, porém, é necessário ter uma sede física, seja para atender clientes ou porque a ideia é valorizar uma colaboração mais orgânica entre a equipe. Sendo assim, é bom conhecer os principais custos de uma empresa para se planejar.

Principais custos de uma empresa

Quer estimar qual será o custo mensal para manter um escritório? Confira o que você deve considerar neste cálculo.

Custos iniciais

Para colocar o ponto em operação e receber os funcionários, é preciso ter uma mínima estrutura. Os principais custos são com mobiliário – mesas, cadeiras e balcões – e com equipamentos de trabalho, como telefones, computadores e impressoras.

Aluguel

Em muitos casos, o aluguel do ponto comercial é a maior despesa mensal, depois da folha de pagamento. Inclua aí também o pagamento do IPTU.

Serviços

Considere as despesas com água, energia, telefone e internet. Sem isso tudo, a empresa não funciona.

Limpeza

Por mais que você e seus funcionários se esforcem para manter um local limpo, ele vai precisar de uma faxina periodicamente. Calcule o pagamento de uma diarista pelo menos uma vez por semana (para um escritório pequeno), e inclua na conta os produtos de limpeza que ela vai usar.

Material de escritório

Uma empresa moderna trabalha apenas com computação em nuvem e vai gastar pouca tinta e papel, mas alguma despesa com material de escritório ela terá. Lembre-se também do item indispensável para o banheiro – o papel higiênico – e dos utensílios de cozinha.

Você vai se interessar por:

Bebidas e comidas

Há empresas que oferecem lanches de graça para os seus funcionários. Essa não é uma prática obrigatória, mas é de bom grado disponibilizar pelo menos água filtrada e café.

Manutenção

Previna-se para acontecimentos como um ar-condicionado pifado ou uma cadeira quebrada. Pagar um serviço de manutenção é comum para quem administra um escritório.

 

Gostou das nossas dicas sobre os custos de uma empresa? Então, compartilhe o artigo com seus amigos nas redes sociais. Se você tem alguma dúvida ou sugestão sobre o assunto, deixe um comentário.

vale a pena usar roupas de marca
feiras de trocas
vale a pena economizar
dividir aluguel com alguém
limite do cartão de crédito
exemplos de produtos supérfluos