Vivo
 
por Vivo Seu Dinheiro

Conheça o Quanto Gastei, aplicativo de finanças pessoais

A- A+

Com as soluções de tecnologia, só não controla bem os gastos quem não quer. Blocos, cadernos, planilhas eletrônicas ao alcance de computadores e dispositivos móveis, tudo ajuda na hora de anotar despesas e receitas. Quer mais facilidades? Um aplicativo de finanças pessoais criado por uma startup alagoana promete tornar esse processo ainda mais prático.

Aprendendo a economizar com aplicativo de finanças pessoais.

App tem como proposta a economia dos centavos que podem pesar no orçamento. Foto: iStock, Getty Images

Aplicativo de finanças pessoais ajuda a economizar

Chamado de Quanto Gastei, o app tem como proposta oportunizar a economia daqueles centavos que, por vezes, parecem não fazer diferença.

Ao realizar compras com valores fracionados, o aplicativo arredonda o gasto para cima, e os centavos que sobram em cada uma dessas compras são somados. Ao final do processo, é possível perceber que economizou um valor considerável, e que antes passava despercebido.

Aplicativo de finanças pessoais Quanto GasteiSe tiver interesse, você também pode autorizar a equipe de economistas do Quanto Gastei a investir seu dinheiro da melhor maneira. Assim que estiver concluído o investimento, seu retorno estará disponível.

Através do app, também é possível manter receitas e despesas atualizadas, adicionar lembretes de pagamentos, criar gráficos categorizados, que mostram para qual fim o dinheiro está sendo direcionado, e criar diferentes alertas.

Integrado tanto com bancos como com as redes sociais, o app disponibiliza um serviço automático e gratuito, que pode ser muito útil para o controle das finanças pessoais de modo intuitivo e otimizado.

O aplicativo de finanças pessoais Quanto Gastei está disponível para download nas plataformas Android e iOS. Em breve, também será possível utilizá-lo também em smartTVs das marcas LG, Samsung e Sony.

Preocupação com a segurança

Qualquer transação ou consulta bancária pela internet costuma gerar preocupação nos usuários. E com razão, já que os dados podem ser utilizados por criminosos para fraudes e compras indevidas. Mas esse é um risco que os usuários do Quanto Gastei não correm, já que uma das principais preocupações é com relação à segurança de quem utiliza o aplicativo.

O aplicativo de finanças pessoais não efetua qualquer tipo de transação bancária. A senha utilizada nele é apenas para leitura de dados.

Também não é possível visualizar senhas, já que a empresa não armazena esse tipo de dado nos servidores (eles permanecem apenas na área segura do dispositivo). Por fim, a empresa possui uma política para realização de testes e auditorias de segurança rotineiramente.

Startup ganha destaque

O ano de 2015 tem sido positivo para os desenvolvedores do aplicativo de finanças pessoais. A startup responsável pelo app venceu o Demo Day, um dos principais eventos de tecnologia do Nordeste, realizado em Alagoas. Outra conquista foi a sua seleção para participar do Salão de Inovação da Rio Info 2015.

Você vai se interessar por:

Organize suas finanças

Para aprender a controlar as contas do lar, é preciso ouvir quem sabe. Se você quer usar o seu dinheiro de um jeito mais inteligente, conheça o Vivo Finanças Pessoais. Com ele, você recebe mensagens e participa de jogos que lhe ajudam a controlar seus gastos, poupar e investir. E você ainda participa de sorteios diários.

> Vivo Finanças Pessoais: Receba dicas por SMS e concorra a R$ 2.500 todos os dias

O que achou do aplicativo de finanças pessoais? Deixe seu comentário.

tempo é dinheiro?
como fazer um plano financeiro
como economizar na limpeza
comprar alimentos no atacado
promoções em supermercados
Como ter uma boa qualidade de vida