Vivo
 
por Vivo Seu Dinheiro

Conheça ideias que servem como inspiração para uma casa econômica

A- A+

Com a necessidade cada vez maior de cultivar a sustentabilidade, não apenas de recursos naturais, mas também financeira, surgem novos conceitos de casa econômica. A ideia, antes restrita a um pequeno número de ativistas da causa ambiental, já chega a grandes empresas.

E quando se fala em casa econômica, é importante entender que o conceito não se restringe a uma construção pequena e que irá gerar contas menores de luz ou água. Já existem projetos que levam materiais diferenciados e mais baratos que o tradicional “tijolo e cimento”.

Estão surgindo novos conceitos de casa econômica.

Inovações possibilitam construções mais baratas, seguras e também sustentáveis. Foto: Shutterstock

Tecnologia proporciona casa econômica

A prova de que o desafio de economizar na construção civil já chegou ao interesse das gigantes é um projeto desenvolvido pela empresa Basf, que conta com diversas parcerias. Batizada como Casa Econômica, trata-se de uma construção de 32 metros quadrados, aberta à visitação na Zona Sul de São Paulo.

A casa foi construída com um material à base de poliuretano que, além de barato, reduz em até 40% a mão de obra. O tempo médio para concluir a casa cai pela metade quando comparado aos processos comuns.

Além disso, a tecnologia ajuda na economia do morador. O material das paredes é isotérmico, reduzindo em até 90% a transferência de calor. Em outras palavras, o futuro morador gastará menos energia elétrica com ventiladores ou aparelhos de ar condicionado.

A sensação de ver seu dinheiro jogado fora com desperdício de material também está com os dias contados. Com o projeto da Casa Econômica, as peças são encomendadas sob medida, reduzindo a quantidade de resíduos para apenas 0,5% (oito vezes menos que o tradicional), sem contar que não utiliza água na construção.

Casa econômica da Basf

Casa econômica da Basf reduz em até 40% os custos com a mão de obra. Foto: Divulgação

Casa econômica com materiais sustentáveis

Com as riquezas naturais que dão fama ao Brasil, é comum que a todo momento surjam novas ideias de uma casa econômica para o construtor e para o meio ambiente. Hoje, já é possível acompanhar o sucesso de projetos sustentáveis, com uma moradia construída por menos de R$ 10 mil.

O segredo está no uso de um material chamado de COB, uma mistura de argila, areia e palha. Além de acessível e ecológica, a construção ainda é à prova de fogo e resistente a abalos sísmicos.

A massa do COB também é térmica e, por conta disso, mantém a casa fria no verão e quente no inverno. Isso sem falar que é altamente resistente a climas úmidos.

Com tantas invenções úteis, fica fácil perceber que ninguém mais precisa gastar rios de dinheiro para construir uma casa econômica e que atenda às necessidades.

Você vai se interessar por:

Crise econômica no Brasil é oportunidade para organizar finanças pessoais

Supermercado econômico: pesquisa pode comparar preços por região

Calcular consumo de energia ajuda a economizar na conta de luz

Assistência para a sua casa

Quem tem casa sempre está exposto a imprevistoscomo um encanamento quebrado ou problema elétrico, por exemplo. Mas alguns serviços podem oferecer mais tranquilidade nesses momentos.

É o caso do Vivo Assistência Casa e Auto, que oferece eletricista e encanador para sua casa, socorro mecânico para seu carro e chaveiro para os dois, sempre que precisar, por apenas R$ 5,90 por mês.

> Vivo Assistência Casa e Auto: Garanta socorro mecânico em emergências

Gostou das ideias de casa econômica? Deixe seu comentário.

quando vale a pena ter cartão de credito
como cancelar pedido feito no cartão de crédito
como calcular a reforma de um apartamento
quanto custa um seguro de casa
como escolher uma seguradora de veiculos
gazebo dobrável