Vivo
 
por Vivo Seu Dinheiro

Conheça cuidados importantes na perfuração de poços artesianos

A- A+

Seja para ter água em uma região sem abastecimento público ou para fazer frente a cortes originados na seca e estiagens prolongadas, a perfuração de poços artesianos pode ser uma opção. Essa saída, inclusive, tem sido cada vez mais utilizada no país.

O Estado de São Paulo é atualmente o maior usuário das reservas subterrâneas do país. Cerca de 65% da zona urbana e aproximadamente 90% das indústrias paulistas são abastecidas, de forma parcial ou total, por poços artesianos, de acordo com o Departamento de Águas e Energia Elétrica (DAEE).

Segundo levantamento do órgão, no ano passado, o número de licenças de execução de poços profundos em todo o estado foi 19,6% superior na comparação com 2013. Somente nos dois primeiros meses deste ano, em virtude de uma das maiores crises de abastecimento de São Paulo, o número de perfurações cresceu 82%, passando de 127 para 231 novas autorizações.

Perfuração de poços artesianos na Paraíba

Para garantir qualidade, perfuração deve ser realizada por empresa habilitada. Foto: Claudio Goes, Secom-PB

Alerta à perfuração de poços artesianos irregulares

Mas não é o número expressivo de licenças concedidas para perfuração de poços artesianos que mais chama a atenção. Levantamento da Associação Brasileira de Águas Subterrâneas (Abas) aponta que aproximadamente 85% dos poços existentes no Brasil são clandestinos. A entidade estima que o país pode ter cerca de 100 mil reservas irregulares.

Para a presidente da Associação Brasileira das Empresas de Consultoria e Engenharia Ambiental (Aesas), Ana Paula Queiroz, a abertura irregular de poços artesianos é fruto do desespero em busca da água.

Ela adverte que a perfuração não autorizada pode colocar em risco a saúde dos consumidores, uma vez que o terreno e a água podem estar contaminados.

Cuidados na perfuração de poços artesianos

Para oferecer parâmetros para contratar uma empresa perfuradora de poços artesianos, e assim diminuir a clandestinidade, a Abas desenvolveu um guia para quem tem o interesse de fazer abastecimento doméstico, comercial ou industrial. Confira algumas dicas do documento:

Conheça a empresa

Poços são obras de engenharia/geologia, complexas e abaixo da superfície. Na maioria dos casos, o interessado não tem conhecimento técnico para saber o que exigir e, assim, acompanhar e fiscalizar a perfuração de seu poço com discernimento e com poder de crítica. A confiança na empresa que será contratada é fundamental.

Esteja cercado de especialistas

Decisões sobre aprofundamentos da perfuração e soluções de eventuais problemas geológicos que possam ocorrem devem ser tomadas por geólogos, que são os responsáveis técnicos pela execução das obras de perfuração de poços.

Exija seus direitos

Tal como as edificações, os poços são obras de engenharia que gozam de no mínimo cinco anos de garantia, desde que regularmente executadas por empresas e profissionais habilitados e qualificados. Ambos devem sempre apresentar cópia do recolhimento Anotação de Responsabilidade Técnica (ART) junto ao CREA de seu estado.

Certifique-se da qualidade

Em obras de maior porte, principalmente na indústria, é recomendada a contratação de um consultor para acompanhamento. No caso de construção, é preciso ter certeza que o poço foi feito adequadamente e que produz em sua vazão máxima explorável.

Não se descuide dos detalhes

Tenha no contrato todas as especificações de materiais que vão ser utilizados: tubos, pré-filtros, filtros, fluido de perfuração, cimentação, licenças ambientais e bombeamento.

Quanto custa a perfuração?

Em relação ao custo da perfuração, depende do projeto do poço, que é definido a partir da geologia local e da vazão a ser explorada. Por isso, não há como estimar valores antes de realizar um orçamento com a empresa responsável pela obra.

Quando for contratar um poço, você pode consultar na internet por uma credenciada Abas. Os cuidados na contratação permitem a escolha de uma empresa adequada e que pratique preços de mercado, reduzindo as chance de problemas durante a execução obra e trazendo mais tranquilidade para o contratante.

Você vai se interessar por:

Assistência para sua casa

Para se proteger de qualquer emergência em sua casa, é importante contar com o serviço Vivo Multiassistência. Com ele, além de consertar os seus aparelhos elétricos, você tem acesso a eletricista, vidraceiro e chaveiro, sempre que precisar. Envie um SMS com a palavra MULTI para 2929 e assine por apenas R$ 5,90 mensais.

> Vivo Multiassistência: Garanta eletricista, vidraceiro e conserto de eletrodomésticos para casa

Gostou das dicas sobre perfuração de poços artesianos? Compartilhe!

como economizar na limpeza
Como tirar manchas de mofo e bolor da parede
Reaproveitamento da água do chuveiro
Menina pratica o consumo consciente de água
Mulher usa pressurizador de água
Homem procurando uma casa de família para deixar seu cachorro.