Vivo
 
por Vivo Seu Dinheiro

Conheça atrações e calcule quanto custa viajar para Indonésia

A- A+

Sair em férias para conhecer o destino dos sonhos é sempre bom. Mas para que o passeio não se transforme em um problema futuro para o bolso, é importante calcular as despesas e planejar tudo em detalhes. Se você quer saber quanto custa viajar para Indonésia, há algumas informações fundamentais para estimar os gastos.

Saber quanto custa viajar para Indonésia é importante

Além de lindo, país é considerado um dos destinos mais baratos do sudeste asiático. Fotos: iStock, Getty Images

Quanto custa viajar para Indonésia

Para estimar quanto custa viajar para Indonésia, comece pelo básico: as passagens aéreas. O preço mais baixo, sem considerar eventuais promoções, gira em torno de R$ 4 mil por pessoa. Logo, se vai adquirir bilhetes de ida e volta, já precisa considerar uma despesa de R$ 8 mil. Se for para uma viagem a dois, são R$ 16 mil apenas com o avião.

Assustou? Tenha calma: viajar para a Indonésia tem lá suas vantagens financeiras. Esse é um dos destinos mais baratos do sudeste asiático. Ou seja, você vai gastar uma boa quantia para chegar lá, mas depois terá despesas menores. Segundo o site Quanto Custa Viajar, o gasto médio na famosa ilha de Bali é de apenas R$ 109 por dia. Uma pechincha, não?

E olha que estamos falando daquela que talvez seja a mais cara das 18 mil ilhas da Indonésia. Você não leu errado: são 18 mil ilhas, todas banhadas pelo Oceano Pacífico.

Saber quanto custa viajar para Indonésia é importante

Assim, não fica difícil encontrar outros destinos no país asiático tão lindos quanto Bali, mas de custo inferior: A capital, Jacarta, representa uma despesa diária média de R$ 82 ao dia. Quer gastar ainda menos? Em Dempassar, o custo é de R$ 46 diários. E ambas cidades têm muito a ser visto.

Esse custo leva em conta a hospedagem em uma pousada de nível médio, alimentação e transporte. Mas é claro que, dependendo dos passeios que o turista deseja fazer, a despesa pode ser maior.

Quer um exemplo? Atividades de maior adrenalina, como mergulho e trekking, têm um valor bem elevado. Nesse caso, é melhor economizar ainda no Brasil e reservar um dinheiro extra para garantir seu ingresso. Para os mochileiros, o couchsurfing – acomodação modesta em casa de família – é uma opção bastante econômica.

Mas mesmo aqueles que prezam pelo conforto podem encontrar preços bem razoáveis. No início da temporada seca, que vai do final de abril a outubro, ainda há poucos turistas e os valores são bem mais convidativos do que na alta temporada.

Saber quanto custa viajar para Indonésia é importante

Sugestões de passeios na Indonésia

Como já dito, há muitas ilhas a serem visitas na Indonésia, mas, supondo que você ficará por uma semana no país, a dica é mesmo focar nas atrações de Bali. Basicamente, elas se dividem entre incursões na exuberante natureza local, passeios gastronômicos ou culturais. Em muitos pacotes contratados no Brasil, isso tudo já está incluso.

Uma noite no zoológico de Bali, por exemplo, tem jantar incluído por US$ 72 (menos de R$ 250). Há lazer em conta, como a excursão a dois tempos no mesmo dia por US$ 55 (cerca de R$ 190) ou um passeio no Monkey Forest, uma espécie de zoológico de macacos, por US$ 58 (em torno de R$ 200).

Há muitas – muitas mesmo – opções de trilhas, seja a pé, de bicicleta ou de jipe. Os preços ficam na média de US$ 90 (em torno de R$ 250).

Pode investir um pouco mais no seu passeio? Há algumas opções “super luxo”. Um dos passeios mais caros é a visita ao Komodo National Park (onde pode ver o famoso dragão de komodo) que custa US$ 600 (cerca de R$ 1.500).

Saber quanto custa viajar para Indonésia é importante

Você vai se interessar por:

Seu cartão para os gastos na viagem

Agora que já consegue estimar quanto custa viajar para a Indonésia, para pagar por seus gastos no passeio, é só escolher o cartão que mais se adapta às suas necessidades e exigências. Com os Cartões de Crédito Vivo, você pode parcelar em até 12 vezes sem juros nas lojas Vivo e somar pontos no programa de recompensas Vivo Valoriza.

Oferecidos em parceria com o Itaú e o Santander, eles também dão bônus e pontos para você falar mais em ligações para telefone fixo ou de longa distância, enviar SMS e acessar a internet, além de descontos em cinema e muitas outras vantagens.

> Cartões de Crédito Vivo: Conheça as vantagens

Gostou das dicas para viajar para Indonésia? Comente e compartilhe!

melhores universidades do brasil
quando vale a pena ter cartão de credito
como cancelar pedido feito no cartão de crédito
reembolso no cartão de credito
formas de pagamento para fazer compras pela internet
como entender a fatura do cartão de crédito