Vivo
 
por Vivo Seu Dinheiro

Conheça 5 das melhores aplicações financeiras para 2016

A- A+

Um cenário de instabilidade econômica pode exigir adaptações em muitos pontos de seu planejamento financeiro, inclusive afetando a sua carteira de investimentos. Para garantir a rentabilidade em 2016, é importante saber quais são as melhores aplicações para este ano. Assim, você trabalha com segurança para garantir bons rendimentos.

Homem descobre as melhores aplicações financeiras

Investimentos que remuneram com base na Selic estão entre os melhores no ano. Foto: iStock, Getty Images

5 melhores aplicações para 2016

Letras de Câmbio, Tesouro Selic, LCI e LCA, CBD e fundos de investimentos são boas apostas para ganhar dinheiro com investimentos em 2016. Saiba mais sobre as melhores aplicações financeiras:

Letras de Câmbio

São papéis emitidos por instituições financeiras – sociedades de crédito, financiamento e investimento – para obter capital. São semelhantes aos CDBs emitidos pelos bancos. Apesar do nome, a remuneração não está atrelada a nenhum tipo de moeda. Os rendimentos quase sempre têm como parâmetro a taxa DI.

Ainda que o risco de quebra das financeiras seja maior – em função de que cobram juros mais altos para fornecer crédito pessoal – há uma garantia para investimentos de até R$ 250 mil por parte do Fundo Garantidor de Crédito (FGC), o mesmo que protege a poupança.

Tesouro Selic

São títulos públicos negociados por meio do Tesouro Direto, cuja remuneração está atrelada à variação da taxa Selic durante o período de aplicação. Ao aplicar em qualquer papel público, o investidor torna-se um credor do governo. Por isso, o risco de crédito é considerado baixíssimo.

O Tesouro Selic é até mais seguro que do que os títulos emitidos por bancos e que a própria poupança. Outra vantagem é que, caso haja necessidade de vender os papéis antes do prazo, também não há risco de prejuízo – afinal, a taxa Selic tem apresentado variação positiva.

LCI e LCA

As Letras de Crédito Imobiliário (LCI) e Letras de Crédito do Agronegócio (LCA) são papéis emitidos pelos bancos para financiar investimentos desses setores.

Na maioria dos casos, é preciso investir um volume maior de recursos e esperar um tempo mais longo pelo vencimento. Assim, não é um investimento possível a todos. O risco de crédito, porém, é baixo, e ambos contam com isenção de IR.

CDB

O Certificado de Depósito Bancário é o título emitido pelos bancos para construir seu capital. Assim, o investidor passa a ser um credor do banco. Geralmente, o rendimento é pós-fixado e atrelado à taxa DI. Como esse investimento se beneficia da alta dos juros, no atual cenário, ele pode pagar até 100% da taxa DI.

Fundos de investimento

Essa alternativa, embora seja boa, requer bastante conhecimento. Isso porque nem todos os fundos são aconselhados nesse momento. As melhores aplicações em 2016 são os fundos simples, com rentabilidade indexada à taxa DI.

Para ter bons resultados, é importante que os fundos invistam ao menos 95% do seu patrimônio em títulos do Tesouro Direto ou de renda fixa privados – como CDBs de grandes bancos, cujos riscos são os mesmos dos papéis públicos – desde que não ultrapasse 50% do patrimônio do fundo.

A desvantagem desse investimento (frente aos outros que se adequam ao atual cenário) são as taxas de administração, geralmente mais altas em comparação com os demais.

Você vai se interessar por:

Proteção além dos seus investimentos

Independentemente de qual seja a sua aplicação escolhida, o melhor custo-benefício é o bem-estar da sua família. Com o Seguro Premiado Vivo, você garante a proteção dos seus entes queridos e ainda concorre a prêmios no valor de R$ 2.500 por dia. Para participar, basta enviar a palavra SEGP para 8051.

> Seguro Premiado Vivo: Proteja a sua família e concorra a prêmios

E você, qual das melhores aplicações financeiras escolhe? Deixe seu comentário!

quando vale a pena comprar título de capitalização
oscilações da Bolsa de Valores
investir para viajar
agência de classificação de risco
investimento para quem tem ate R$ 10 mil
investir em imóveis