Vivo
 
por Vivo Seu Dinheiro

Confira os cinco bairros com o preço de imóveis mais caros do RJ

A- A+

Com o valor médio do metro quadrado mais elevado do país (R$ 10.251), entre as 20 cidades analisadas pelo índice FipeZap, adquirir um apartamento próprio no Rio de Janeiro é tarefa complicada, especialmente, com a crise econômica atual. O preço de imóveis mais caros do RJ vai lá nas alturas em regiões mais nobres da cidade maravilhosa.

Leblon tem o preço de imóveis mais caros do RJ

Para quem deseja adquirir um apartamento com vista pro mar no Leblon, por exemplo, o custo médio do m² é de R$ 21.707.  Ou seja, imóveis de pequeno e médio porte de 70 m² e 100 m² valem, respectivamente, em torno de R$ 1.520.000 e R$ 2.170.000. Lares mais espaçosos de mais de 150 m² custam mais de R$ 3,2 milhões.

Ipanema, Lagoa, Gávea e Jardim Botânico completam o Top 5

O panorama não está muito diferente em Ipanema, segundo bairro com o preço de imóveis mais caros do RJ, conforme o FipeZap. Com o preço médio do m² avaliado em, aproximadamente, R$ 21. 500, você compra um apartamento de 75m² por não menos que R$ 1,6 milhão.

Na Lagoa, terceiro colocado, o metro quadro médio custa R$ 20.900. Um apartamento pequeno de 70m² pode ser comprado por em torno de R$ 1,6 milhão. Três a quatro quilômetros mais ao sul está a Gávea, quarta posição no ranking dos bairros mais caros para se adquirir imóveis no Rio de Janeiro.

Essa pequena distância já oferece uma grande diferença no preço médio do m². Na Gávea é possível encontrar apartamentos com o valor do metro quadro inferior a R$ 16.500. Um imóvel de 70 m² pode ser encontrado por R$ 1,1 milhão. Entre estes dois últimos bairros, fica a região do Jardim Botânico, quinta colocada no nosso top 5.

O m² médio de um apartamento no Jardim Botânico custa aproximadamente R$ 15.900, mas, dependendo da zona, ele pode subir bastante ultrapassando, inclusive, o valor do metro quadro na Gávea. Um flat de 57 m² nessa região custa em torno de R$ 950 mil.

preço de imóveis mais caros do RJ

Rio de Janeiro tem o metro quadrado mais caro do país. Foto: iStock, Getty Images

Aluguel mais em conta

Quem ainda quer esperar para ter a sua casa própria e pretende se mudar, continuar vivendo de aluguel pode ser uma boa opção no Rio de Janeiro. Isso porque o preço das locações diminuiu quase 13% no último ano.

No período entre o mês de abril de 2015 e o mesmo mês deste ano, o valor já diminuiu 12,88% no Rio. No entanto, a capital carioca continua tendo o metro quadrado mais caro do país, no valor de R$ 37,00.

Você vai se interessar por:

Compre com tranquilidade

Para quem usa o cartão com consciência e aproveita todos os seus benefícios sem comprometer o bolso, falta só escolher aquele que mais se adapta às suas necessidades e exigências.

Com os Cartões de Crédito Vivo, você pode parcelar em até 12 vezes sem juros nas lojas Vivo e somar pontos no programa de recompensas Vivo Valoriza. Oferecidos em parceria com o Itaú e o Santander, eles também dão bônus e pontos para você falar mais em ligações para telefone fixo ou de longa distância, enviar SMS e acessar a internet, além de descontos em cinema e muitas outras vantagens.

> Cartões de Crédito Vivo: Conheça as vantagens

Gostou das dicas sobre o preço de imóveis mais caros do RJ? Comente!

Saiba como ganhar uma renda extra com aluguel
sair da casa dos pais
vale a pena investir na decoração de uma casa para alugar
dividir aluguel com alguém
melhores universidades do brasil
quando vale a pena ter cartão de credito