Vivo
 
por Vivo Seu Dinheiro

Confira o calendário de restituição do IRPF 2015

A- A+

O prazo para a entrega da declaração do IRPF 2015 terminou no último dia 30 de abril. A Receita Federal já divulgou o calendário de restituição de 2015, referente ao exercício do ano-calendário 2014.

Calendário de restituição: sete lotes

Quem entregou no prazo e tem direito a receber restituição, já pode ficar atento às datas divulgadas no calendário de restituição. Ao todo, serão sete lotes que começam a ser liberados a partir do mês de junho.

O calendário de restituição segue até dezembro. Os lotes são liberados seguindo a lógica de priorização de acordo com a entrega das declarações. Em outras palavras, quem entregou a declaração mais cedo recebe a restituição já nos primeiros lotes.

Leão na savana africana; animal é referência sobre imposto de renda no Brasil

Contribuinte deve fazer retificação para não cair na malha fina e acertar as contas com o leão. Foto: Robek/Wikicommons (CC-BY)

Calendário de restituição: datas das liberações dos lotes

De acordo com o calendário de restituição divulgado pela Receita Federal, os lotes são liberados entre os dias 15 e 17, a depender do mês.

Primeiro lote: 15 de junho

Segundo lote: 15 de julho

Terceiro lote: 17 de agosto

Quarto lote: 15 de setembro

Quinta lote: 15 de outubro

Sexto lote: 16 de novembro

Sétimo lote: 15 de dezembro

Contribuintes com idade igual ou superior a 60 anos, pessoas com necessidades especiais ou com doença grave possuem prioridade no recebimento, sendo contemplados nos primeiros lotes do calendário da restituição.

Calendário de restituição: consulta ao lote

O contribuinte pode consultar o status da sua declaração do imposto de renda no próprio site da Receita Federal. A consulta é feita mediante a informação do CPF do contribuinte e de um código digital informado pelo próprio site.

O site informa a situação da declaração: na base de dados na Receita Federal; já liberada e com a restituição em aguardo para ser depositada em conta etc; já liberada e com a restituição depositada em conta etc.

Em caso da restituição já ter sido liberada e depositada, mas não ter sido creditada em conta, o contribuinte deve entrar em contato com a Central de Atendimento do Banco do Brasil: 4004-0001 (capitais) ou 0800-729-0001 (demais localidades) e 0800-729-0088 (telefone especial exclusivo para deficientes físicos). A dúvida pode ser sanada ainda pessoalmente em qualquer agencia do Banco do Brasil.

Calendário de restituição: alteração da conta

O valor da restituição será colocado à disposição do contribuinte na agência bancária indicada na própria declaração do imposto de renda. Em caso de alteração na conta corrente informada, o contribuinte precisa retificar a declaração.

Para fins de priorização no pagamento das restituições, a data de retificação fica sendo considerada a nova data da declaração, não mais a da entrega da declaração original.

No caso de conta encerrada, o contribuinte precisa aguardar a liberação da restituição para informar a nova conta corrente. Essa alteração é feita diretamente pela Central de Atendimento do Banco do Brasil, nos telefones 4004-0001 (capitais) ou 0800-729-0001 (demais localidades) e 0800-729-0088 (telefone especial exclusivo para deficientes físicos).

A alteração também pode ser feita pessoalmente em qualquer agência do Banco do Brasil. Novamente, a data de retificação fica sendo considerada a nova data da declaração.

> Vivo Alerta CPF: Receba alertas via SMS sempre que houver consultas a seu CPF

Gostou das dicas de calendário de restituição? Cadastre-se e receba nossa newsletter.

sair da casa dos pais
vale a pena economizar
vale a pena pegar empréstimo
emprestimo urgente para negativado
erros financeiros comuns
como aprender com erros de finanças