Vivo
 
por Vivo Seu Dinheiro

Confira como solicitar a segunda via do título de eleitor

A- A+

Você perdeu, foi roubado ou tem a primeira versão em péssimas condições e está na hora de tirar a segunda via do título de eleitor. Não importa o motivo, essa é uma ação simples. Veja o passo a passo para encaminhar o documento.

Segunda via do título de eleitor

De acordo com o Tribunal Superior Eleitoral (TSE), pedir a segunda via do título de eleitor corresponde à solicitação de um novo documento, sem implicar na alteração de dados cadastrais junto ao cartório eleitoral.

Os documentos necessários são: certidão conforme o estado civil (de nascimento ou casamento) e Carteira de Trabalho e Previdência Social, ou carteira por órgãos de classe. Documentos como o novo modelo de passaporte, que não incluem os dados de filiação, não são aceitos.

Em ano eleitoral, é possível solicitar a segunda via do título do eleitor até 10 dias antes do 1º turno.

Solicitar a segunda via é rápido, fácil e não gera nenhum custo ao eleitor. Foto: Marcelo Camargo/ABr

Para serem aceitos na solicitação da segunda via do título de eleitor, os documentos apresentados devem ser originais, legíveis, sem abreviaturas e devem estar em bom estado de conservação, além de serem válidos – ou seja, dentro do prazo de validade, caso das carteiras de órgãos de classe, por exemplo.

A segunda via do título de eleitor é fornecida na hora e sem custos.

Onde tirar a segunda via do título de eleitor

Para solicitar segunda via do título de eleitor, é preciso comparecer ao cartório eleitoral em que você estiver inscrito, ou, caso não seja possível, ao cartório mais próximo. Somente você pode fazer isso – não é permitido solicitar por procuração.

Nos locais onde estiver acontecendo recadastramento biométrico obrigatório e com coleta de dados biométricos, o atendimento ao público é realizado exclusivamente por agendamento. Nos demais cartórios, onde não ocorre a biometria, essa obrigação não existe.

Em ano eleitoral, é possível solicitar a segunda via do título de eleitor até 10 dias antes do 1º turno, no cartório eleitoral onde você foi inscrito, ou até 60 dias antes em qualquer cartório fora do seu domicílio. Você também pode votar sem o seu título em sua seção, desde que portando documento oficial com foto.

Quem não pode solicitar a 2ª via

Existem restrições para encaminhar o documento. Veja a relação de quem não pode participar do processo eleitoral:

– Pessoas com condenações criminais não cumpridas

– Condenação por improbidade administrativa com suspensão de direitos políticos não cumpridas

– Interdições judiciais definitivas

– Cumprimento ou não prestação do serviço militar obrigatório

– Outras pendências ou débitos na Justiça Eleitoral.

Entre as pendências no cadastro eleitoral, incluem-se a não apresentação de prestação de contas de campanha eleitoral, inelegibilidade e inabilitação.

Entre os débitos pecuniários com a Justiça Eleitoral, estão as multa por ausência às urnas, aos trabalhos eleitorais ou por violação ao Código Eleitoral, Lei n.º 9504/97 e leis conexas, enquanto não quitados os débitos.

Você vai se interessar por:

Veja como tirar título de eleitor e esteja apto a votar

Saiba como fazer a segunda via da carteira de trabalho

Saiba quando e como alterar o seu cadastro do CPF

Documento protegido

Se você gosta de estar com a documentação em dia, precisa conhecer o Vivo Alerta CPF. Entre as suas funções, está o envio de um SMS ao cliente toda vez que ocorrer uma alteração no status do seu nome nas bases de dados da Serasa Experian, toda vez que uma empresa consultar o nome do cliente nas bases de dados da Serasa e ainda quando o seu nome estiver prestes a ser negativado.

Além disso, o cliente recebe exclusivas dicas antifraude e pode visualizar o relatório completo sobre o seu CPF.

> Vivo Alerta CPF: Receba alertas via SMS sempre que houver consultas a seu CPF

Aprendeu como pedir a segunda via do título de eleitor? Compartilhe!

sair da casa dos pais
vale a pena economizar
vale a pena pegar empréstimo
emprestimo urgente para negativado
erros financeiros comuns
como aprender com erros de finanças