Vivo
 
por Vivo Seu Dinheiro

Confira a tabela de medidas femininas para compras nos EUA e Europa

A- A+

Se planejar uma viagem ao exterior para você é sinônimo de conhecer EUA e Europa, saiba que segue uma tendência. Segundo levantamento global divulgado em 2015 pelo site de turismo TripAdvisor, esses são os destinos preferidos pelos brasileiros. Além das belas paisagens e da experimentação cultural, ambos são paraísos comerciais, principalmente para as mulheres. Mas é preciso ficar atenta à tabela de medidas femininas para não errar nas compras.

Como utilizar a tabela de medidas femininas

Já pensou comprar um vestido lindo em Paris para presentear a melhor amiga e descobrir que a numeração não corresponde à praticada por aqui? Frustrante, não é mesmo? Esta é a primeira informação que você precisa saber ao fazer compras no exterior: o sistema de unidade de medidas em outros países é diferente do nosso, explica Danyla Borobia, consultora de estilo.

“No Brasil, usamos centímetros, já nos EUA, por exemplo, são usadas polegadas. Assim, é importante converter os tamanhos medidos em centímetros para polegadas”, diz. Para ela, entender os tamanhos e padrões de medida é a dica principal na hora das compras no exterior.

seudinheiro-Tabela-de-medidas-femininas

Tamanhos podem variar de acordo com marcas, países e tipo de peça. Foto: iStock, Getty Images

Segundo Danyla, as peças são classificadas na tabela de medidas femininas conforme a altura, o peso e as medidas da silhueta, em regiões como o quadril, a cintura e o busto.

Da mesma forma, os sapatos e tênis são classificados de acordo com o comprimento e a largura dos pés. Nos EUA, os sapatos têm medidas específicas e são separados pela largura do pé, em conceitos como N, M, W e WW, indo do mais estreito ao mais largo, respectivamente.

“Já na Europa, os tamanhos podem variar de acordo com as marcas, países e tipo de peça. Muitas vezes, são os mesmos números que usamos aqui no Brasil, mas é importante consultar a tabela de medidas femininas”, explica Danyla. Ela indica ainda o uso de aplicativos com a tabela e a conversão automática para facilitar o processo de escolha e de compra.

Para a consultora, é importante ter em mãos – além da tabela de medidas femininas – os números correspondentes às principais regiões do corpo. Vale lembrar que o biotipo das brasileiras difere dos padrões de corpos das americanas e de boa parte das europeias, exceto as de origem hispânica. Portanto, quadris, cintura e busto podem resultar em uma grande variação de tamanho, mesmo para os padrões internacionais.

“Para medir o quadril, use uma fita métrica. A região a ser medida é a mais saliente. Para o busto, passe a fita métrica na região mais saliente do busto alinhado com as axilas, ou seja, logo abaixo delas. Já o comprimento depende da região do corpo onde fica a peça. Para vestidos, por exemplo, meça desde o ombro até o lugar onde você deseja que a roupa termine”, explica Danyla.

Confira a tabela de medidas femininas

Casacos, saias e vestidos

Brasil 38 40 42 44 46 46 50
Estados Unidos 4 6 8 10 12 14 16 18
Europa 38 40 43 44 46 48 50 52

Blusas e malhas

Brasil 38 40 42 44 46 48 50
Estados Unidos 6 8 10 12 14 16 18
Europa 40 42 44 46 48 50 52

Calçados (sandálias e sapatos em geral)

Brasil 36 37 38 39
Estados Unidos 5 6 7 8 9 10 11
Europa 36 37 38 39 40 41 44

Como não errar com a tabela de medidas femininas

O medo de errar é comum, mas não pode atrapalhar a sua aventura pelas compras na Europa e nos EUA. Segundo Danyla, como regra geral, ao adotar os cuidados com a conversão da tabela e com as informações de altura e medidas, o risco de errar cai. “Mas a melhor forma é provar a peça de roupa e pensar que efetuar a compra de um número maior pode ser menos desastroso do que um número menor. Já sapatos e tênis são pessoais e variam muito”, afirma.

Danyla lembra ainda que pode haver variação nos tamanhos. “Qualquer tipo de roupas e sapatos podem variar o tamanho e não servir. Isso irá depender da marca, do tecido – existem aqueles com mais elasticidade, outros nem tanto -, caimento das peças e outros fatores semelhantes”, finaliza.

Pronta para fazer compras nos EUA e Europa e acertar na tabela de medidas femininas? Deixe um comentário! Compartilhe!

Pokémon Go
como lucrar vendendo artesanato
como lucrar vendendo cosméticos
como abrir uma academia de ginástica
como abrir uma pizzaria
como montar uma drograria