Vivo
 
por Vivo Seu Dinheiro

Comprar ou alugar vestido de noiva? Descubra o que sai mais em conta

A- A+

Quando o casamento está marcado e começam os preparativos para o enlace, raramente uma mulher não manifesta dúvidas entre comprar ou alugar vestido de noiva.

Há inúmeras opções para encontrar o modelo perfeito, mas isso depende também do perfil do casal, do horário da cerimônia e, claro, do orçamento. Veja a seguir dicas para ajudar nessa decisão.

Mulher decide alugar vestido de noiva

Se noiva desejar um vestido personalizado, deve se preparar para maior custo. Foto: iStock, Getty Images

Opções para alugar vestido de noiva

Basicamente, são duas as formas para alugar vestido de noiva: primeiro ou segundo aluguel. Saiba mais sobre cada uma delas:

Primeiro aluguel

Sem dúvida, comprar é quase sempre mais caro do que qualquer modalidade de locação. Uma opção para quem quer um modelo exclusivo é o primeiro aluguel. Dessa forma, o molde, o tecido e todos os detalhes são escolhidos por você.

É um pouco mais caro que o aluguel comum, mas atende ao desejo de ter um vestido único e personalizado, já com as suas medidas.

Além disso, alugar não é apenas mais econômico, mas resolve outro problema dos casais modernos: a falta de espaço para guardar a relíquia.

Segundo aluguel

Trata-se do aluguel convencional, sem a exclusividade. Em outras palavras, você optará por um modelo que já foi utilizado por outra noiva. Se o orçamento está apertado ou se o vestido não é a maior preocupação, é uma opção bem econômica.

3 fatores a pesar na sua decisão

Orçamento

Em meio ao nervosismo de definir todas as etapas do casamento, muitas noivas perdem a noção de valores. Um ano antes, comece a pesquisar os preços de confecção e aluguel de vestidos. Isso dará um direcionamento ao assunto.

Antecedência

Nem sempre a escolha é baseada no orçamento. Entre oito e seis meses antes do casamento (no máximo), o vestido tem que estar definido. Nesse período, você precisa saber o modelo que quer, que fica melhor em você, e quem irá fazer. Se não tiver nada até seis meses antes, a saída é alugar vestido de noiva.

Referências

Embora o gosto seja algo muito pessoal, é importante ter referências da qualidade do trabalho de alguns profissionais – seja das costureiras ou das lojas de aluguel. A certeza de um bom atendimento ajuda a evitar imprevistos desnecessários às vésperas do casamento.

Quem pode fazer o vestido para você

Se está decidida a comprar e não alugar vestido de noiva, há uma série de estilistas especializados, mas é preciso ter recursos para isso. Afinal, os valores são mais altos.

A vantagem é que você terá um atendimento personalizado, e pode avaliar o melhor modelo para o seu corpo – para esconder ou valorizar algum detalhe.

Uma opção mais em conta – e não necessariamente pior – é aquela costureira de família, que já fez dezenas de vestidos de festa para você ao longo da sua trajetória.

Os preços certamente serão menores e o resultado pode ser do seu agrado. Além disso, você pode reformar a peça depois para fazer um ensaio fotográfico no estilo trash the dress.

Você vai se interessar por:

Casamento no campo é alternativa para enlace em meio à natureza

Planejamento é a chave para realizar o casamento dos sonhos

Saiba como economizar dinheiro com festa de casamento

Reforma é alternativa

Quem disse que as únicas opções são comprar ou alugar vestido de noiva? Se você tem um vínculo emocional com algum modelo – como o que sua mãe usou no casamento – uma boa reforma e alguns ajustes podem deixá-lo perfeito para você. Além disso, o evento se tornará muito mais emocionante.

 

E você, vai comprar ou alugar vestido de noiva? Deixe seu comentário.

Comprar tablet
Mulher entende o que é carnê-leão
Comprar smart tv
micro-ondas ou forno elétrico
geladeira com freezer ou congelador
vale a pena comprar produtos da apple