Vivo
 
por Vivo Seu Dinheiro

Como calcular o tamanho do pé de meia para se aposentar?

A- A+

É comum, depois de uma certa idade, o trabalhador começar a tomar as devidas precauções financeiras, já pensando em se aposentar. Mas a dúvida de 100% dessas pessoas é quanto se deve guardar (ou planejar ganhar) para uma aposentadoria tranquila.

Regra dos 4% para se aposentar

Em maio deste ano, a revista Forbes relembrou a regra dos 4%, desenvolvida pelo expert em finanças Bill Bengen, em 1994. O especialista afirma que a quantidade de dinheiro para se aposentar depende do custo de vida de cada um e, para chegar a um valor, ele aponta que as despesas anuais equivalem a 4% do que você precisa.

Se você gasta, por exemplo, R$ 40 mil em um ano, você precisaria de R$ 1 milhão para se aposentar. Se você gasta R$ 60 mil, vai precisar de R$ 1,5 milhão (pois R$ 60 mil corresponde a 4% desse total). A receita, para conseguir chegar a este valor, é guardar 4% do seu gasto por ano.

aposentar

Trabalhador deve tomar as devidas precauções financeiras antes da aposentadoria. Foto: iStock, by Getty Images

Se você já está fazendo os cálculos e considera os valores muito altos para fazer o seu pé de meia, pode ser um alerta de que é necessário reduzir um pouco o seu custo de vida. Entretanto, Bengen assume que, mesmo quem possui um portfólio equilibrado entre poupança e investimentos, raramente vai conseguir lucrar 4% ao ano.

Isso porque é preciso levar em consideração os ajustes da inflação e os altos e baixos comuns na economia.

Simulação do valor necessário para se aposentar

O Instituto Brasileiro de Certificação de Profissionais Financeiros (IBCPF) fez uma simulação do valor necessário para guardar, de uma pessoa com um patrimônio de R$ 800 mil e que pretende se aposentar.

Conforme o instituto, se essa pessoa consegue guardar um valor igual aos juros reais de suas aplicações, ou seja, o que rende acima da inflação, conseguiria perpetuar o patrimônio, mantendo o poder de compra ao longo dos anos.

Você vai gostar de:
Como calcular o tempo de contribuição para o INSS
Aposentadoria: quanto antes pensar nela, melhor será o futuro
Saiba se previdência privada vale a pena para você

Com aplicações em uma carteira de investimentos diversificada, o rendimento anual pode ficar entre 4% e 6%. Partindo da ideia de que o rendimento pode ser em torno de 6% de juros reais ao ano, é possível fazer retiradas anuais de R$ 48 mil. Em outras palavras, você retira apenas o rendimento e continua com seu patrimônio intacto.

Ainda assim, o IBCPF não aconselha investir absolutamente todo o patrimônio. O ideal é ter uma reserva equivalente a, no mínimo, seis vezes a sua despesa mensal, para casos de emergência. Assim se pode viver com tranquilidade.

Tranquilidade para você e sua família

Uma das maiores preocupações de quem pensa em se aposentar é o bem-estar da sua família no dia em que vier a faltar. Uma opção para garantir mais tranquilidade nesse sentido é o Seguro Vida Plus, da Vivo. Ele garante indenização em caso de morte natural ou acidental. Outros benefícios, como o auxílio-funeral, também podem ser adicionados ao seguro.

> Seguros para Você: Conheça seguros de vida e acidentes pessoais

Gostou das dicas para aposentar? Compartilhe!

O controle financeiro pessoal e o futebol
Planejando a aposentadoria de pessoa com deficiência
vale a pena ter seguro
como funciona a aposentadoria por invalidez
o que é previdência complementar
tempo de aposentadoria por idade