Vivo
 
por Vivo Seu Dinheiro

Como abordar a pretensão salarial na entrevista de emprego

A- A+

Uma entrevista de emprego não é o momento mais cômodo para o candidato. Quando a possível pretensão salarial é abordada, o aperto se torna ainda maior. Afinal, sair do desemprego é uma obsessão, o que coloca ainda mais pressão sobre as respostas: um pequeno deslize nas palavras pode pôr tudo a perder.

Conversando sobre pretensão salarial

Baixar valores para garantir a vaga pode trazer outros problemas mais adiante. Foto: iStock, Getty Images

Pretensão salarial: o que responder?

O que responder, afinal, quando a pretensão salarial é questionada? A coach de Carreira Andreia Silveira, da In Focus Coaching, dá algumas dicas valiosas para não errar quando estiver frente a frente com o recrutador:

1. Drible o nervosismo, foque nos objetivos

Abordar o assunto pretensão salarial no momento da entrevista acaba colocando a maioria dos candidatos contra a parede. É preciso ter em mente que a oportunidade de trabalho em questão precisa estar alinhada aos seus objetivos, envolvendo também o lado financeiro. Afinal, seu futuro profissional e pessoal dependerá do seu trabalho.

Assim, é preciso encarar o momento da entrevista como uma boa chance para esclarecer dúvidas, com a maior naturalidade possível. Caso contrário, em pouco tempo, o profissional perderá o entusiasmo e a motivação pela atividade desenvolvida e se frustrará. Então, a dica é sempre manter o foco nos seus objetivos para tentar driblar o nervosismo.

2. Pesquise

É preciso ter um embasamento para fazer a proposta. O ideal é que o candidato realize uma pesquisa salarial de sua profissão antecipadamente, considerando também seu tempo de experiência – se está iniciando carreira ou não – e habilidades que poderão diferenciá-lo dos demais, como fluência em um idioma, por exemplo.  

3. Acompanhe o mercado

Não tome a crise do país como base para tudo. “Tenho realizado diversas entrevistas para empresas e, embora a situação econômica brasileira seja delicada, percebo que o mercado permanece favorável para quem realmente deseja se destacar no ambiente de trabalho, com dedicação, entusiasmo, trabalho com propósito, foco em resultados, visão de crescimento”, afirma Andreia. “Isso sim faz toda a diferença”, completa.

4. Demonstre entusiasmo

Por outro lado, a coach nota que há candidatos que procuram emprego e não trabalho. São pessoas que tendem a entrar em sua zona de conforto em um curto espaço de tempo, não se esforçam para desempenhar seu papel com excelência e, por isso, não crescem e perdem grandes oportunidades.

5. Não sabote a si mesmo

Colocar a pretensão salarial abaixo da média de mercado pode sinalizar baixo nível de autoconhecimento e baixa autoestima – além, é claro, de desatualização. Dependendo do cargo pretendido, isso não garante a vaga. O ideal é que o candidato seja coerente ao se avaliar e não aceite a proposta somente pelo fato de estar desempregado. Isso não resolverá a situação.

O que evitar na resposta

  • Falta de coerência para definirem a pretensão. Chutes são bem comuns
  • Falsa noção de seu potencial. Há quem diga que vale muito e outros que se subestimam, tornando-se vítimas da sociedade
  • Valores sem margem para negociação, estipulando um salário sem aceitar menos.

Você vai se interessar por:

Economize sempre

Se você gosta de poupar cada centavo que ganha, pode realizar transações bancárias sem pagar taxas por isso, com toda comodidade. Com o Vivo Zuum, uma conta pré-paga gerenciada pelo celular, você pode fazer pagamentos, transferências e até mesmo recarga de celular. Tudo isso sem mensalidades. Se preferir, você pode adquirir o cartão Vivo Zuum para fazer compras no débito e saques.

> Vivo Zuum: Tenha conta corrente com cartão, sem banco, sem complicação

Gostou das dicas sobre entrevista de emprego? Compartilhe!

Pokémon Go
como lucrar vendendo artesanato
como lucrar vendendo cosméticos
como abrir uma academia de ginástica
como abrir uma pizzaria
como montar uma drograria