Vivo
 
por Vivo Seu Dinheiro

Aprenda a organizar sua vida financeira em 6 dicas

A- A+

Manter a vida financeira em ordem pode ser um desafio, principalmente quando as contas se multiplicam e o dinheiro, do contrário, só parece diminuir. Mas, no fim de contas, esse ainda é o melhor meio de realizar seus sonhos e garantir mais estabilidade para você e a sua família.

6 dicas para organizar a vida financeira

Uma vida financeira equilibrada tem a ver com o modo como você consome sua renda e gerencia o orçamento disponível a cada mês. Pode parecer difícil mudar alguns hábitos e adotar novas maneiras de gastar o seu dinheiro, mas a solução é eficiente e garante soluções que permanecem. Para iniciar o seu planejamento financeiro, fique atento às dicas do educador financeiro Pedro Braggio, especialista em consultoria financeira familiar:

1. Conheça o orçamento

Antes de iniciar o planejamento do mês atual, é importante dispor dos números dos últimos seis meses, indica Braggio. Se eles não estão disponíveis de forma clara, organize-os para depois poder perceber os detalhes que compõem a sua renda. O ideal é que todos os números estejam dispostos em planilhas, seja no papel ou no computador, para facilitar a visualização.

2. Defina metas específicas

Para incentivar você e a sua família a acreditar no planejamento que está em curso, uma boa opção é definir metas que possam incentivar o processo. Por exemplo, estipule o valor que deve ser economizado para que seus filhos iniciem os estudos em uma universidade particular ou mesmo para algo mais simples, como comprar uma nova televisão. O importante, destaca o educador financeiro, é reunir a família para auxiliar na tarefa de conhecer os dados do orçamento e depois seguir os objetivos.

Mantenha o controle da sua renda e tenha como recompensa uma vida finaceira mais equilibrada. Foto: iStock, Getty Images

Mantenha o controle da sua renda e tenha como recompensa uma vida finaceira mais equilibrada. Foto: iStock, Getty Images

3. Economize o seu dinheiro

“Também é preciso ter a coragem de ajustar ou cortar gastos, pode ser apenas por um período já pré-determinado”, explica Braggio. Isso significa que você deve estar sempre atento aos dinheiro que entra e sai da conta, para conseguir adaptar as quantias que são comprometidas a cada mês. Também é fundamental saber diferenciar as dívidas essenciais das desnecessárias.

4. Mantenha o orçamento em mãos

Tomar a decisão de fazer cortes ou novas compras deve sempre depender da análise das suas planilhas de orçamento. Elas são a fonte mais confiável para mostrar se o valor envolvido pode ser pago ou mesmo se as novos ajustes precisam ser feitos. Do contrário,  os números que você apenas estimou podem não ser tão precisos e comprometer todo o planejamento elaborado até aqui.

5. Tenha sempre uma poupança emergencial

Possuir um planejamento financeiro eficiente também significa estar preparado para as emergências. Nunca se sabe quando será necessário ir para o hospital ou mesmo consertar o carro que estragou. Para isso, é necessário criar a consciência de que nem todo o dinheiro disponível precisa ser gasto. Se você tem dificuldade em poupar, o melhor é deixar essa quantia no banco, em uma conta poupança.

Conta pré-paga para se organizar

Quer uma ajuda para melhorar sua organização financeira e conseguir planejar o orçamento? Conheça o Vivo Zuum, um serviço que funciona como uma conta-corrente pré-paga no celular. Não precisa ter conta em banco e nem comprovar renda.

> Zuum: Tenha conta corrente com cartão, sem banco, sem complicação

Gostou das dicas para equilibrar a sua vida financeira? Compartilhe!

Pokémon Go
como lucrar vendendo artesanato
como lucrar vendendo cosméticos
É importante entender de finanças bem antes de sair de casa.
como abrir uma academia de ginástica
como abrir uma pizzaria