Vivo
 
por Vivo Seu Dinheiro

Aprenda como fazer bom negócio ao comprar carro

A- A+

Para muito brasileiros, adquirir um carro está entre os principais sonhos de consumo. Não é à toa que, de acordo com pesquisa realizada no ano passado pelo Serviço de Proteção ao Crédito (SPC Brasil), a compra de um automóvel é o motivo de 35% dos financiamentos que existem atualmente no paísVocê também quer fechar um bom negócio? Comprar um carro pode ser sinônimo de felicidade, mas também significar dor de cabeça se você não tiver o devido cuidado.

O educador financeiro Ricardo Pereira explica que, como costuma se tratar de um sonho, a principal dificuldade é justamente tornar a decisão da compra mais racional. A opção pelo financiamento, por exemplo, sempre fará mais sentido quando você já possuir um bom valor para dar de entrada no negócio.

“Lembrando que, nesse momento, além dos juros estarem altos, os bancos estão mais criteriosos na hora de liberar os financiamentos. Resumindo, o ideal é dar uma entrada que permita que as parcelas pagas mensalmente durante o financiamento não atrapalhem o orçamento“, explica Pereira.

Bom negócio com carro zero

Para quem quer um zero quilômetro, a principal dica é pesquisar carros que se enquadrem nas características buscadas e analisar cada um dos seus itens, comparando preços, vantagens e desvantagens. Se você escolher um compacto, por exemplo, ele não vai apresentar alta potência, mas o ideal é equilibrar bom desempenho com eficiência no consumo de combustível.

O especialista em veículos e proprietário do Doutor Carro, Tales Domingues, indica ainda que se verifique o  manual do veículo e veja o que a montadora estipula de consumo médio de combustível. Esse dado fará toda a diferença nos custos que o carro vai gerar.

“Avalie também a desvalorização do modelo pretendido nos últimos dois anos, o custo do seguro, se existe concessionária da marca em sua região e se peças de desgaste, como pastilhas de freios e discos são facilmente adquiridas no comércio local”, complementa Domingues. Além disso, um comparativo entre os itens de série do carro podem indicar um modelo mais completo do que outro e, por vezes, mais barato.

Compra de um carro

Pesquisar a desvalorização do modelo é uma medida importante. Foto: Shutterstock

Bom negócio com carro usado

O maior problema de comprar um usado é adquirir também problemas que não estão visíveis quando você avalia o veículo. Por isso, Domingues indica que se peça uma inspeção veicular, com laudo completo, um dia antes da entrega do veículo. Isso evita um motor trocado, faróis que não funcionam ou mesmo irregularidades no chassi.
Essa avaliação de um especialista também ajuda a identificar se o carro sofreu uma colisão muito grave, que tenha mexido com a estrutura do veículo, por exemplo. Se possível, peça para dar um volta com o automóvel e verifique você mesmo se ele possui as características desejadas ou se possui problemas que podem render desconforto durante uma viagem.

Outra dica de bom negócio é fugir de carros que ninguém quer. Não é bom sinal se um veículo é vendido no mercado por um preço muito inferior aos similares de outras marcas. Ou a manutenção dele é muito cara, ou ele possui defeitos que podem aparecer com o uso.

Assistência em emergências

Além de fazer um bom negócio, é importante estar preparado para imprevistos. Com o Vivo Assistência Casa e Auto, você conta com serviços de eletricista e encanador para sua casa, socorro mecânico para seu automóvel e chaveiro para os dois, sempre que precisar, por apenas R$ 5,90 por mês.

> Vivo Assistência Casa e Auto: Garanta socorro mecânico em emergências

Gostou das dicas para fazer um bom negócio? Compartilhe!

É importante entender de finanças bem antes de sair de casa.
como calcular a reforma de um apartamento
quanto custa um seguro de casa
como escolher uma seguradora de veiculos
como lidar com a avareza
preço de imoveis começa a cair