Vivo
 
por Vivo Seu Dinheiro

Amortização pode ser uma solução para sua dívida

A- A+

O sistema de amortização é um processo para realizar o pagamento de uma dívida. Embora existam diferentes maneiras para quitar um empréstimo ou financiamento, Daniel Sousa, professor de Economia do Ibmec/RJ, explica que são duas as maneiras mais utilizadas no mercado: o Sistema de Amortização Constante (SAC) e a Tabela Price.

Mas, afinal, o que isso influencia no valor a ser pago? De acordo com o método adotado, o desconto da amortização e também dos juros acontece de maneira distinta, o que pode alterar o tempo que necessário para que o seu saldo devedor – que não considera os juros – comece a diminuir.

Tabela Price para amortização

A parcela que você paga em um empréstimo é composta por dois fatores principais: a amortização e os juros. Na Tabela Price, a quitação da dívida ocorre a partir de parcelas iguais e periódicas. Ou seja, as prestações são fixas e o saldo devedor é quitado aos poucos, mais de modo progressivo, com juros que já estão embutidos em cada pagamento.

Em qualquer um dos sistemas de pagamento, no entanto, a taxa de juros sempre incidirá sobre o saldo que se deve no final do período imediatamente anterior. Dessa forma, os juros sempre serão decrescentes em caso de amortização de qualquer valor.

É por isso que, para Ana Paula Pavanatti, educadora, terapeuta e assessora financeira da REORG Gestão Financeira, a amortização é considerada uma oportunidade de antecipar suas parcelas e organizar o seu orçamento.  O problema é que a cultura que temos ainda é de alongar ao máximo o prazo de pagamento e, logo após terminar um empréstimo, iniciar outro.

Para definir qual é o melhor sistema de amortização para a sua dívida, calcule a taxa de juros. Foto: iStock, Getty Images

Para definir qual é o melhor sistema de amortização para a sua dívida, calcule a taxa de juros. Foto: iStock, Getty Images

Sistema de Amortização Constante

Diferente do que ocorre na Tabela Price, no SAC você amortiza o saldo devedor de maneira mais rápida, mas as parcelas iniciam com um valor maior.  Como os juros são pagos apenas sobre esse valor, e não consideram as taxas que já incidiram nas outras parcelas, os juros são menores.

Confuso? De modo simplificado, a regra é a seguinte: enquanto a Tabela Price oferece a vantagem de ter uma parcela inicial menor, é bem provável que você acabe gastando mais com os juros. No SAC, do contrário, a amortização é maior e, mesmo que as prestações iniciem mais altas, o resultado final costuma ser mais vantajoso.

Monitore o seu CPF

Para conseguir um empréstimo ou fincanciamento, é importante que o seu nome não esteja na lista de negativados. Para evitar problemas, uma alternativa é estar sempre atento ao seu CPF. Com o Vivo Alerta CPF, desenvolvido em parceria com parceria com a Serasa Experian, você monitora o seu CPF e recebe alertas quando alguma movimentação ocorre. Assim, é possível  estar informado sempre que:

  • Ocorrer uma alteração no status de seu CPF nas bases de dados da Serasa Experian
  • Uma empresa consultar seu nome nas bases de dados da Serasa Experian
  • Uma empresa estiver prestes a negativar o seu nome nas bases de dados da Serasa Experian.
> Vivo Alerta CPF: Receba alertas via SMS sempre que houver consultas a seu CPF

Gostou das dicas sobre amortização? Compartilhe!

sair da casa dos pais
vale a pena economizar
vale a pena pegar empréstimo
emprestimo urgente para negativado
erros financeiros comuns
como aprender com erros de finanças