Vivo
 
por Vivo Seu Dinheiro

8 dicas de segurança para sair de casa tranquilo com seu carro

A- A+

Quem assiste ao noticiário avalia que andar nas ruas está cada vez mais perigoso, tanto para quem sai a pé ou de carro. Nesse último caso, ao seguir algumas dicas de segurança, repetidas à exaustão por especialistas, você consegue ampliar a proteção e minimizar os riscos. Não custa nada dedicar-se um pouco mais a você e à sua família.

pais devem ficar atentos as dicas de segurança ao sair da garagem com o carro.

Sair de casa de carro exige alguns cuidados básicos com a própria segurança.Foto: iStock, Getty Images

8 dicas de segurança para sair com o carro

Fique por dentro de algumas situações corriqueiras e de quais medidas você pode tomar para evitar exposição a riscos desnecessários.

Cuidado com o celular

Você já sabe que falar ao celular enquanto dirige é uma infração ao Código de Trânsito e é passível de multa. Mas mesmo naquele momento em que ainda nem começou a dirigir, o aparelho pode tirar sua atenção num momento precioso, que é quando você deveria perceber se há um suspeito vindo em sua direção. Toda a atenção ainda é pouca.

Escolha um local bem iluminado para estacionar

Se você estiver na rua, escolha locais bem iluminados para estacionar. Ao chegar em casa, peça que alguém ligue a luz ou já deixe acesa antes de entrar para que possa visualizar bem o local e não ser surpreendido.

A Secretaria da Segurança de São Paulo sugere procurar vagas em frente a prédios com vigias ou câmeras, pois isso ajuda a inibir a ação de criminosos.

Não chame a atenção para itens dentro do carro

Evite deixar aparentes itens que possam chamar a atenção, como roupas, notebook e outros aparelhos. Se for imprescindível levar com você, deixe no porta-malas antes de circular ou deixar em estacionamentos ou na rua.

Comunique-se

Informe amigos ou familiares sobre seu trajeto, se já saiu e qual a previsão de chegada para que eles possam acompanhar. Também mantenha alguma forma de código para avisar se algo de errado acontecer sem que os criminosos percebam.

Verifique o fechamento do portão eletrônico

Uma dica da Polícia Militar do Paraná é ficar atento ao portão eletrônico. Pessoas podem se aproveitar para invadir sua casa ou seu carro no momento em que você estiver entrando ou saindo. Por isso, toda a atenção é necessária.

Não se exponha desnecessariamente

Cuidado com os adesivos que você coloca no carro. Segundo a Secretaria de Segurança de São Paulo, eles “entregam” muitas informações sobre você, suas preferências, membros da família e locais que frequenta. Avalie a necessidade deles em relação à sua segurança.

Atenção ao uso de joias

Procure utilizar a ventilação do carro e manter as janelas fechadas e as portas trancadas, mas também evite ostentar joias que chamem a atenção de quem está do lado de fora. Quando for necessário, permaneça em alerta e redobre os cuidados na direção e ao sair. A dica é da Polícia Militar de Sergipe.

Evite carona a estranhos

Não dê carona a pessoas desconhecidas, muito menos em locais escuros e à noite. Se a pessoa parece precisar de ajuda, chame a polícia.

Lembre-se também que essas dicas de segurança devem ser compartilhadas com os demais membros da família. Não adianta apenas você saber o que fazer e as outras pessoas descuidarem, deixando objetos dentro do carro, ficando desatentas ao sair. Todos precisam colaborar.

Você vai se interessar por:

Segurança para sua família

Para se precaver e garantir mais segurança para você e sua família, além de seguir essas dicas de segurança, você pode conhecer os seguros de acidentes pessoais e vida, oferecidos pela Vivo, em parceria com a ACE Seguradora.

A contratação garante minutos grátis para falar de Vivo para Vivo nos finais de semana, além de sorteios mensais pela loteria federal. Tudo isso com a comodidade de pagar o seguro através da fatura do celular.

> Seguros para Você: Conheça seguros de vida e acidentes pessoais

Gostou das dicas de segurança? Compartilhe!

O controle financeiro pessoal e o futebol
Ela aposta na longevidade saudável
Conversando sobre direitos do consumidor do plano de saúde
Pacientes com mais de 60 anos têm direito a acompanhante em caso de internação. Foto: iStock, Getty Images
Passo a passo para planejar financeiramente a gravidez
Opção para investir em commodities