Vivo
 
por Vivo Seu Dinheiro

5 melhores soluções financeiras para suas dívidas em 2016

A- A+

As notícias sobre a economia do país não são animadoras. A cada semana, são divulgados novos – e negativos – indicadores de inadimplência, inflação e desemprego, ampliando a sensação de insegurança entre os brasileiros. Se dinheiro é um assunto que lhe traz dores de cabeça, já passou da hora de buscar soluções financeiras. Que tal correr atrás do prejuízo?

Crise exige enfrentamento

A melhor forma de driblar a crise e se livrar do endividamento é contar com um planejamento detalhado, incluindo aí controle de gastos e novos hábitos, mais saudáveis ao bolso.

Se você convive com dívidas, fique com a dica do consultor financeiro Erasmo Vieira: é preciso fazer um diagnóstico para conhecer a situação real dos débitos. E primeiro passo é saber o quanto se deve.

Comece colocando tudo no papel ou planilha, por pior que seja o cenário, indica Vieira. Depois, avalie qual dívida está pesando mais no orçamento. Qual tem a maior taxa de juros? Qual está causando maiores aborrecimentos?  Assim, ficará mais fácil determinar as melhores soluções financeiras para cada caso, culminando com a volta ao azul.

Casal discute soluções financeiras

Planejar o orçamento e diminuir os gastos ajuda a eliminar as dívidas. Foto: iStock, Getty Images

5 soluções financeiras indicadas para você

Acompanhe o detalhamento das cinco principais ações que você precisa adotar para fugir de vez das dívidas, experimentando uma maior saúde financeira em 2016.

1. Faça um planejamento mensal

Coloque no papel todos os gastos e ganhos mensais, incluindo dívidas, impostos e despesas esporádicas, como seguro de veículo, IPVA e IPTU. Assim, você saberá tudo o que precisa pagar, quanto dinheiro tem para isso e qual será o saldo no final, se positivo ou negativo.  

2. Diminua os gastos

Uma das principais soluções financeiras para eliminar as dívidas é evitar qualquer gasto que fuja do padrão. Vieira explica que as despesas são divididas em dois tipos: necessárias (que representam normalmente 30% a 40% da renda) e desejadas (ocupando 60% ou 70% dos rendimentos).

“São nos gastos desejados que existe muita margem para enxugar. O grande problema é quando as pessoas querem transformar desejos em necessidades. Não quero dizer que é fácil fazer, mas é aqui que está o caminho”, aponta o consultor.

3. Tente renegociar

Não tenha vergonha de contatar seus credores e verificar as opções de negociação da dívida. As instituições financeiras geralmente estão abertas a um acordo para receber ao menos uma parte do que lhes é devido. É possível ainda que aumentem o número de parcelas, ofereçam descontos nos juros ou até mesmo no valor principal.

Mas atenção: não aceite negociações para jogar as dívidas para frente sem planejamento. Só concorde com prestações mensais se tiver como honrar aquele compromisso. Caso não tenha condições, o ideal é poupar até reunir a quantia para pagar à vista, quando normalmente se recebe mais descontos.

4. Busque a consolidação de dívidas

A consolidação pode ser uma das soluções financeiras mais vantajosas. Nesse processo, todas as dívidas são agrupadas em uma só, resultando em um valor mensal menor. A taxa de juros consolidada normalmente é mais baixa que a dos empréstimos.

5. Procure uma assessoria financeira

Caso chegue até aqui e ainda não tenha sucesso na sua luta contra as dívidas, pode recorrer a uma assessoria financeira. Esses profissionais são especializados em ajudar na negociação e eliminação das dívidas, desenvolvendo planos de pagamento com taxas de juros e quotas mensais mais baixas.

Você vai se interessar por:

Seu nome protegido

Você já conhece o Vivo Alerta CPF? Entre as suas funções, está o envio de um SMS ao cliente toda vez que ocorrer uma alteração no status do seu nome nas bases de dados da Serasa Experian, toda vez que uma empresa consultar o nome do cliente nessa base de dados e ainda quando o seu nome estiver prestes a ser negativado.

Além disso, o cliente recebe exclusivas dicas antifraude e pode visualizar o relatório completo sobre o seu CPF.

> Vivo Alerta CPF: Receba alertas via SMS sempre que houver consultas a seu CPF

Pronto para colocar as soluções financeiras em prática? Compartilhe as dicas!

sair da casa dos pais
vale a pena economizar
vale a pena pegar empréstimo
emprestimo urgente para negativado
erros financeiros comuns
como aprender com erros de finanças