Vivo
 
por Vivo Seu Dinheiro

Veja 3 exemplos de produtos supérfluos para cortar despesas

A- A+

Em tempos de crise e dificuldades financeiras, cortar tudo aquilo que não é necessário no seu dia a dia é uma das principais formas de economizar. Esses gastos, como com roupas, brinquedos e perfumes, são exemplo de produtos supérfluos, itens que ajudam a manter o conforto, mas que podem ser eliminados sem que você sofra tanto assim.

O que são produtos supérfluos

É possível listar uma série de exemplos de produtos supérfluos, caracterizados assim por serem dispensáveis para a sobrevivência das pessoas. Nem por isso, tudo o que é visto como desnecessário pode ser eliminado da sua vida sem efeitos negativos. Da mesma forma, nem tudo o que é definido como básico e fundamental tem tanta importância assim nos seus hábitos de consumo.

A verdade é que, para definir o que são produtos supérfluos, é importante saber o que leva você a fazer a compra daquele item. Se você compra óculos novos porque seu grau de dificuldade de visão aumentou, então esse é um item necessário. No entanto, se você troca a armação só para ficar na moda, está fazendo um gasto que poderia ser evitado.

exemplos de produtos supérfluos

Pensar sobre a real necessidade antes de comprar uma roupa pode ser a melhor forma de evitar gastos desnecessários. Foto: iStock, Getty Images

3 exemplos de produtos supérfluos

  • Bebidas alcoólicas

As bebidas alcoólicas são exemplos de produtos supérfluos, segundo a regulamentação do ICMS, o Imposto sobre Circulação de Mercadorias e Prestação de Servições. Além de serem drogas, passíveis de vício e perigosas para a saúde, elas também custam caro e podem ser eliminadas da sua vida sem que você precise alterar a sua rotina de vida de forma drástica.

  • Cosméticos

Os produtos de cosmetologia, que incluem maquiagens, perfumes e outros elementos que servem apenas para a beleza e a vaidade, também são considerados exemplos de produtos supérfluos. É verdade que cuidar da aparência é importante, até mesmo para manter-se no emprego. Nem por isso, você precisa comprar maquiagens todos os meses ou gastar com perfumes importados.  

  • Roupas

Roupas também são itens que podem ser dispensados do seu consumo mensal. É claro que você precisa investir em peças para trabalhar, para sair com os amigos e proteger-se do frio. Mas aquelas peças que custam mais caro do que valem e que não tem uma função de conforto, apenas de imagem, podem ser eliminadas dos seus gastos com facilidade.

Você vai se interessar por:

Melhores promoções com descontos

Quer fazer as suas compras pagando menos? Para aproveitar as melhores promoções, conheça o Vivo Descontos. Com esse serviço, você terá direito a cupons de desconto e promoções em restaurantes e lojas das melhores marcas do Brasil. Ao se cadastrar, você recebe ofertas exclusivas com link direto para página e ainda dicas básicas de planejamento financeiro para planejar melhor seus gastos e fazer seu dinheiro render mais.

> Vivo Descontos: Receba cupons ilimitados por SMS, internet ou aplicativo de smartphones

Tem outros exemplos de produtos supérfluos? Comente.

vale a pena usar roupas de marca
feiras de trocas
metas de curto médio e longo prazo
quando vale a pena comprar título de capitalização
vale a pena economizar
vale a pena pegar empréstimo