Vivo
 
por Vivo Seu Dinheiro

Valor da cesta básica em Teresina subiu quase 10% ao longo do ano

A- A+

A perda de poder aquisitivo do brasileiro se confirma pela movimentação dos preços nos supermercados. O valor da cesta básica em Teresina foi de R$ 375,64 em maio, conforme divulgado pelo Departamento Intersindical de Estatística e Estudos Socioeconômicos (Dieese). Em comparação com o mês de abril, foi registrada queda de 0,68%.

No entanto, se analisado o comportamento dos preços ao longo do ano, a capital do Piauí acumula alta de 9,33% em 2016. Nas regiões Norte e Nordeste, produtos como feijão, leite e manteiga apresentaram os maiores aumentos.

Mediante as altas – registradas em 17 das 27 capitais pesquisadas – situações de endividamento se tornam cada vez mais comuns. Se você quer evitar problemas como esse, confira algumas dicas de educação financeira.

valor da cesta básica em Teresina

Preços da capital do Piauí já aumentaram 9,33% somente este ano. Foto: iStock, Getty Images

Mantenha a conta bancária positiva mesmo com o alto valor da cesta básica em Teresina

1. Controle os números

Para controlar o orçamento doméstico, é essencial registrar (e analisar) seus números constantemente. Inclua todos os gastos e as previsões para os meses seguintes – parcelamentos e média de gastos com contas da casa.

2. Evite parcelamentos longos

O perigo de pagar prestações a perder de vista é que elas podem comprometer uma parcela importante da sua renda, sobretudo se você tiver a necessidade de fazer algum outro parcelamento no decorrer dos pagamentos. Quando a compra não for urgente, planeje-se e faça um esforço para pagar à vista. Além de ser mais saudável para sua vida financeira, você ainda pode barganhar um desconto.

3. Use o cartão de crédito com sabedoria

É essencial entender que o cartão de crédito não é uma extensão da sua renda. É um meio de pagamento útil, mas o seu limite de compras não pode ser entendido como renda extra. Você deve computá-lo na sua planilha de gastos da mesma forma que insere um parcelamento.

4. Mantenha uma reserva

Essa é uma grande dificuldade de muita gente, e justamente por isso é que muitos caem no endividamento. É fundamental guardar mensalmente uma parte de seus rendimentos para construir uma reserva financeira. Assim, gastos imprevistos não o pegarão de surpresa. Evite viver no limite do seu salário e tente sempre guardar uma sobra, por menor que seja.

5. Ensine seus filhos

Um momento de crise é uma ótima oportunidade para ensinar os princípios de educação financeira para seus filhos. Procure explicar a importância de cada um na redução dos desperdícios em casa, não apenas por consciência financeira, mas também ambiental.

Você vai se interessar por:

Economize sempre

Se você gosta de poupar cada centavo que ganha, pode realizar transações bancárias sem pagar taxas por isso, com toda comodidade. Com o Vivo Zuum, uma conta pré-paga gerenciada pelo celular, você pode fazer pagamentos, transferências e até mesmo recarga de celular. Tudo isso sem mensalidades. Se preferir, você pode adquirir o cartão Vivo Zuum para fazer compras no débito e saques.

> Vivo Zuum: Tenha conta corrente com cartão, sem banco, sem complicação

O que achou do valor da cesta básica em Teresina? Comente!

Pokémon Go
como lucrar vendendo artesanato
como lucrar vendendo cosméticos
como abrir uma academia de ginástica
como abrir uma pizzaria
como montar uma drograria