Vivo
 
por Vivo Seu Dinheiro

Como o teto da meta da inflação impacta no seu bolso

A- A+

As pessoas sentem no bolso quando existe inflação, mesmo sem entender direito o que ela é e como funciona. Pelos jornais, você escuta quase que diariamente que aconteceu isso ou aquilo com o piso e ou o teto da meta da inflação. O quanto essa meta da inflação implica nas suas economias é o que vamos explicar agora.

Em 1999, o governo brasileiro implantou o esquema de piso e teto da meta da inflação. O objetivo é auxiliar a política monetária do País e evitar o risco de a economia apresentar abrupto colapso com deflação ou hiperinflação.

A ideia incorporada naquele ano e vigente até hoje prevê que a inflação – medida pelo Índice de Preços ao Consumidor Amplo (IPCA) – fique dentro de um limite que impeça (em tese) de a economia entrar em algum nível caótico.

Este limite é elaborado diante das condições econômicas do País. E, dessa forma, é calculada a meta na qual a inflação deve permanecer a cada período de tempo. Fixada a meta, é então projetado o piso e o teto. Ou seja, até qual índice a inflação pode subir ou baixar tendo como parâmetro a meta.

O órgão que controla essa oscilação da inflação é o Banco Central, por meio do Conselho de Política Monetária (Copom). Por isso as famosas reuniões do Copom, que geralmente acabam tarde da noite, são tão importantes e atraem a atenção da imprensa brasileira.

Para o Copom manter a inflação dentro do programado é preciso analisar e trabalhar com as taxas de juros. Quando você escutar ou ler que os preços estão acima daquele nível estipulado pela meta da inflação, saiba que imediatamente os integrantes do Copom irão se reunir para tomar alguma providência.

Então, você vai escutar ou ler que o Banco Central elevou a taxa Selic. A consequência desta atitude é que o crédito encarece, obrigando pessoas físicas e jurídicas a reduzirem seus gastos. A demanda diminui e os preços dos bens, serviços e produtos seguem a mesma tendência natural de não aumentar de valor.

teto da meta da inflação

Meta estabelecida para a inflação auxilia a política monetária a evitar a deflação ou hiperinflação. Foto: iStock, Getty Images

O piso e o teto da meta da inflação

Tanto o piso quanto o teto servem para prevenir alguma situação caótica na economia, como nos casos de hiperinflação ou deflação. Qualquer uma das hipóteses demonstra o total desequilíbrio entre o que tem a ser vendido e o quanto é consumido. A velha história que se aprende na escola sobre a oferta e a demanda.

Atualmente, o País vive uma onda de desemprego que tende a crescer, segundo as análises dos economistas. A indústria produziu e não vendeu. O cidadão descapitalizado não comprou. Agora, ela precisa demitir seus funcionários para arcar com suas contas.

O teto da meta da inflação é até onde a inflação pode subir sem causar desequilíbrio. Chegando a este limite, você sente imediatamente no seu bolso o alto custo dos preços, a alteração da taxa de juros e o desemprego são noticiados diariamente.

Todas as suas operações bancárias e transações comerciais sofrem impacto mediante a mudança da taxa Selic, aquela anunciada pelo Copom do Banco Central. Além disso, a insegurança financeira toma conta dos investidores que deixam de apostar no País.

Existe ainda o que se chama de margem de tolerância: a inflação pode oscilar em até dois pontos para cima ou para baixo em relação ao índice do centro da meta. Dentro deste limite a situação (em tese) sem mantém sob controle, sem causar tanto impacto na economia brasileira.

Você vai se interessar por:

Crédito Bonificado Governo: vantagens para você

Se você é cliente Vivo e participa de algum programa de estímulo à nota fiscal em seu estado ou município, pode trocar os créditos por recargas Vivo, tanto no Pré-Pago quanto no Plano Controle. E o melhor: com o Crédito Bonificado Governo, você ainda ganha um bônus que dobra o valor do crédito, aumentando o benefício. Não perca tempo e faça seu cadastro: é rápido e sem nenhuma tarifa.

> Crédito Bonificado Governo: Troque valores em nota fiscal por créditos Vivo

Entendeu para que serve o teto da meta da inflação? Comente.

vale a pena usar roupas de marca
feiras de trocas
Saiba como ganhar uma renda extra com aluguel
não consigo pagar o aluguel
trabalho temporario no canadá
trabalho temporário no exterior