Vivo
 
por Vivo Seu Dinheiro

4 negócios de moda para empreender sem sair de casa

A- A+

Foi-se o tempo em que alugar um estabelecimento era condição para empreender. Com a evolução dos modelos empresariais, é possível abrir uma empresa sem sair de casa. Duvida? Apresentamos, a seguir, quatro opções de negócios de moda que não exigem uma sede física.

Um dos negócios de moda

Consultoria de moda é uma das opções para quem deseja ingressar no mercado. Foto: iStock, Getty Images

Por que investir em negócios de moda

Os brasileiros – em especial as brasileiras – nunca gastaram tanto dinheiro com roupas, sapatos, joias e óculos. Dados da consultoria internacional Euromonitor apontam que em nenhum outro país o mercado de moda cresce tanto quanto no Brasil: entre 2003 e 2013, o faturamento do setor quadruplicou, chegando a R$ 140 bilhões.

De acordo com dados do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE)­, o brasileiro dobra seus gastos mensais com moda a cada degrau que sobe na escada social. Assim, à medida que o país enriquece e a população eleva sua faixa social, o mercado de moda tende a ser um dos setores mais beneficiados.

Outro dado interessante revelado pelo IBGE diz respeito ao ingresso das mulheres no mercado de trabalho. Na última década, mais de 11 milhões de brasileiras começaram a trabalhar.

Isso acaba impulsionando o mercado de moda por duas razões: primeiro, porque há mais dinheiro para ser gasto; segundo, porque essas mulheres são submetidas a um tipo de obrigação social, que exige que se vistam melhor.

Não faltam razões, portanto, para que você tire proveito dessa tendência. Investir em negócios de moda pode ser a saída para quem deseja abandonar a vida de empregado para realizar o sonho do empreendedorismo.

4 opções de negócios de moda

Selecionamos quatro opções de negócios de moda que você pode implementar a partir da sua casa. Confira:

1. Personal stylist

Personal stylist é aquela pessoa que se dedica a melhorar o visual de quem a contratou. A meta é analisar o tipo físico, a personalidade, o estilo e a forma como o cliente vive para reorganizar o guarda roupa e propor soluções para os dilemas da moda.

Isso significa sugerir combinações entre as peças existentes, propor doações e ajudar a comprar novas roupas. O serviço é procurado principalmente por artistas e políticos, entre outras pessoas interessadas em melhorar a imagem.

É necessário fazer cursos para se especializar no segmento. Como boa parte das ações é realizada em lojas ou na própria casa dos clientes, não há a necessidade de um escritório físico.

2. Consultoria de moda

O consultor de moda trabalha de forma semelhante ao personal stylist. O que muda é o padrão de atendimento e o tipo de cliente. Enquanto o personal stylist dá atenção a pessoas interessadas a melhorar a imagem, o consultor de moda geralmente trabalha com lojas e  empresas.

Os serviços do consultor são requisitados quando a instituição deseja criar um uniforme para os funcionários, ou vesti-los para uma ocasião especial, como um evento comemorativo ou premiação. Também é possível atuar como palestrante em feiras e eventos relacionados.

3. Confecção de bijuterias

Essa opção é válida para quem tem habilidades manuais, criatividade e bom gosto. Além de investir em um curso de capacitação, você precisará comprar ferramentas, cola, peças para a montagem das bijuterias, expositores e o material necessário montar uma mini-oficina.

Em geral, quem atua nesse mercado começa confeccionando bijuterias para si mesmo, depois para as amigas e familiares e, por fim, para a rede de conhecidos que se forma. É um trabalho que exige paciência e dedicação.

4. Blog de moda

Finalmente, a última opção de negócio de moda para abrir em casa é tornar-se uma blogueira. Carisma, simpatia e boa comunicação são fundamentais para crescer nesse ramo, que recebe cada vez mais entusiastas.

Se você conseguir formar uma rede de leitoras, a ponto de influenciar suas escolhas e se transformar em uma referência de moda, é possível ganhar dinheiro com posts patrocinados, trabalhos de publicidade e participação em eventos. Vai encarar?

Você vai se interessar por:

Economizar é parte do sonho

Se você tem o sonho empreendedor, deve estar atento às oportunidades de economia. Que tal realizar transações bancárias sem pagar taxas por isso? Com o Vivo Zuum, uma conta pré-paga gerenciada pelo celular, você pode fazer pagamentos, transferências e até mesmo recarga de celular – tudo isso sem mensalidade. Se preferir, pode adquirir o cartão Vivo Zuum para fazer compras no débito e saques.

> Vivo Zuum: Tenha conta corrente com cartão, sem banco, sem complicação

Qual desses negócios de moda mais lhe interessou? Comente!

Pokémon Go
como lucrar vendendo artesanato
como lucrar vendendo cosméticos
como abrir uma academia de ginástica
como abrir uma pizzaria
como montar uma drograria