Vivo
 
por Vivo Seu Dinheiro

4 casos em que a transferência de dinheiro pode dar dor de cabeça

A- A+

Com tantas ferramentas disponíveis, fica muito mais fácil realizar qualquer tipo de movimentação financeira. Agências bancárias, caixas eletrônicos e internet banking, costumam ser opções seguras para depositar ou realizar transferência de dinheiro para outra conta corrente.

Mas seja por desatenção ou por problemas de outra natureza, essas operações bancárias podem se tornar uma dor de cabeça. Conheça quatro erros que podem acontecer ao fazer esse tipo de movimentação financeira e previna-se.

Transferência de dinheiro no caixa eletrônico

Ainda que feita de forma eletrônica, desatenção pode levar à transferência errada. Foto: iStock, Getty Images

4 erros na transferência de dinheiro

Dinheiro que volta

Um erro comum ao realizar uma Transferência Eletrônica Disponível (TED) ou Documento de Ordem de Crédito (DOC), é quando o dinheiro não vai para conta certa e volta para a sua. Esses casos, normalmente, são fruto de algum equívoco ao digitar um dado errado, como conta ou agência, por exemplo. Se for apenas isso, basta fazer uma nova transação.

Agora, se for um depósito, a situação é um pouco mais complicada, pois é necessário mais tempo para refazer o pagamento. A melhor recomendação é ligar para o Serviço de Atendimento do Consumidor (SAC) do seu banco e pedir orientação sobre como proceder.

Dinheiro que some

Outro caso possível é realizar um depósito e o dinheiro “sumir”. Ou seja, ele não chega à conta certa, mas também não volta para você. É necessário, então, procurar o comprovante dessa transação e buscar atendimento em sua agência bancária. Somente assim será possível identificar a falha e localizar o seu dinheiro.

Dinheiro que não era para você

Receber um dinheiro inesperado pode ser muito bem-vindo desde que ele, de fato, seja para você. No entanto, essa quantia que recebeu de surpresa pode pertencer a outra pessoa e ter sido depositada por engano na sua conta.

Em casos como esse, a orientação é acionar o SAC e avisar sobre o engano. Também é importante deixar o valor do depósito ou da transferência de dinheiro equivocada de lado, para evitar problemas futuros.

Mesmo que esteja precisando muito dessa quantia, não a gaste, pois o banco ou o verdadeiro dono vão procurar resgatar esse valor.

Dinheiro para a conta errada

O contrário também acontece. Quando você digita algum número por engano, não confere o destinatário, e erra a conta para a qual deveria mandar o dinheiro, o melhor é procurar corrigir esse equívoco o quanto antes.

Como a responsabilidade não foi do banco nessa transferência de dinheiro equivocada, quanto mais você demorar, mais difícil será recuperar essa quantia.

Você vai se interessar por:

Internet banking ou agência bancária: o que é mais seguro para você?

Token marca evolução da segurança nas transações bancárias via internet

Fez um depósito bancário errado? Saiba como agir nesses casos

Para se ter uma ideia de como um erro aparentemente inofensivo pode custar caro, por cerca de dois anos, uma cabeleireira inglesa acreditava estar realizando transferências regulares no valor de US$ 1.500 para uma conta conjunta que mantinha com seu marido.

No entanto, na verdade, o beneficiário era uma pessoa totalmente desconhecida, que nunca se manifestou a respeito dos depósitos. Segundo o jornal britânico The Guardian, estima-se que o prejuízo total do casal seja cerca de US$ 40 mil (mais de R$ 150 mil).

Para que situações como essas não aconteçam, é fundamental conferir com frequência o seu extrato bancário para acompanhar de perto todo o tipo de movimentação financeira na sua conta.

 

Você tem uma boa dica sobre transferência de dinheiro? Comente!

como lucrar vendendo cachorro quente
como lucrar vendendo bolo no pote
como abrir uma franquia de alimentos
como abrir uma empresa de coleta de entulho
como se relacionar com as pessoas no ambiente de trabalho
como aumentar a produtividade